quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Estrada do CDP de Caraguatatuba; nova indagação ao governo, e vídeo da estrada.


Deputado Carlos Giannazi faz novo requerimento de informação ao governo sobre a calamidade da Estrada do CDP de Caraguatatuba.
Há mais de um ano o Deputado fez um requerimento, onde o governo respondeu que seria viabilizado a pavimentação após o período eleitoral do ano passado, agora veremos qual será a nova resposta do governo.
Quer ver o ofício com a resposta do governo, mande um email para jenisdeandrade@yahoo.com.br, que lhe enviarei o ofício.


Publicado no  D.O. Legislativo pág. 31 de 02/11/2011
REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO
Nº 380, DE 2011

Nos termos do artigo 20, inciso XXIV da Constituição
do Estado de São Paulo, combinado com o artigo 166 da XIV
Consolidação do Regimento Interno, requeiro seja oficiado ao
Senhor Governador do Estado de São Paulo que respostas às
seguintes questões, sobre a Estrada que dá acesso ao CDP Fundação
Casa, em Caraguatatuba:
1. Há algum convênio entre órgão estadual e a municipalidade
para asfaltamento da referida estrada?
2. Se há convênio assinado, quando foi assinado e quando
foi publicado em diário oficial?
3. Se há convênio assinado, em qual etapa está o convênio?
4. Se há convênio assinado, qual a previsão de início dos
trabalhos de asfaltamento?
JUSTIFICATIVA
Encaminhamos novamente o requerimento de informação
a respeito da estrada que dá acesso ao CDP de Caraguatatuba,
visto não ter acontecimento absolutamente nada, desde as últimas
promessas feitas de governo anterior.
Reiteramos nossa justificativa.
O descaso do governo estadual com a prestação de serviços
públicos continua marcando presença no atual governo.
Desta vez, além das muitas decisões prejudiciais ao funcionalismo,
seus familiares e usuários, o governo deixa no mais absoluto
descaso a Estrada do CDP de Caraguatatuba. São cerca
de 250 servidores públicos do Centro de Detenção Provisório
e cerca de 50 servidores da Fundação Casa, mais a população
que visita estes equipamentos em busca de notícias e/ou visitas
a seus familiares. Ou seja, são pessoas simples, trabalhadores
do equipamento público e pessoas simples da sociedade
que usam os oito quilômetros da estrada diariamente e não
merecem nenhum respeito e atenção do governo. Além das
dificuldades nos trabalhos, essas pessoas também são punidas
pelo pedaço de mau caminho. Nos dias de chuva, a situação é
absolutamente insustentável, intransitável. Entra ano, sai ano,
as chuvas caem, inundam a estrada e vira um lamaçal intransitável.
A ausência de transporte público na área completa
o quadro de descaso e desrespeito aos brasileiros de menor
poder econômico e que usa ou trabalha equipamentos públicos
estaduais. Nesse sentido, este requerimento retoma o assunto
do asfaltamento dessa estrada que, segundo consta, espera a
concretização de convênio assinado entre o DER e a prefeitura
municipal de Caraguatatuba. Segundo informações dos servidores
e cidadãos usuários da precaríssima estrada há mais de um
ano foi publicado despacho do senhor governador autorizando
a celebração do convênio.
Como se trata de bem público usado por cidadãos e servidores
de pouco poder aquisitivo, a situação vem sendo relegada
a baixa prioridade.
Esperamos que desta vez as respostas dadas pelo governo
possam vir acompanhadas de soluções. Chega de promessa vã,
de descaso com o funcionalismo, com a população mais pobre
Sala das Sessões, em 31-10-2011.
a) Carlos Giannazi

Veja vídeo da Estrada de 8 Kilômetros cheia de buracos, parecendo mais uma estrada de rally, veja também fotos da estrada em dias de chuva.




 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Em uma nova adaptação na minha vida após cirurgia, recuperação, trabalho e inicio na faculdade de Direito, está um pouco difícil moderar comentários, sugiro que entrem em contado comigo através do meu email ou redes sociais:


jenisdeandrade@yahoo.com.br,

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.