terça-feira, 27 de agosto de 2013

Julgamento dos assassinos de servidor penitenciário em Marília foi adiado.

Fonte: http://www.diariodemarilia.com.br/Noticias/125129/Sem-rus-Justia-adia-1-audincia-sobre-latrocnio
Sem réus, Justiça adia 1ª audiência sobre latrocínio

Crime ocorreu em março na região central da cidade

Prevista para ser realizada ontem à tarde (26), a Justiça de Marília adiou a primeira audiência do processo que apura o latrocínio (roubo seguido de morte) do agente penitenciário Sebastião Rodrigues Mourão, 50, em crime ocorrido em março na região central em plena luz do dia.

Os três réus do processo - Jonathan Camargo Grejo, 22, Júlio César de Almeida, 39, e Roger Luiz Cardoso de Moura, 23 - eram esperados para o procedimento, no entanto não foram escoltados até o Fórum. Jonathan, que ficou paraplégico após ser alvejado com um tiro na medula, está recolhido em um hospital presidiário na capital paulista. Os outros dois estão na Penitenciária de Marília. Por conta disso, o juiz Décio Divanir Mazeto, da 3ª Vara Criminal, cancelou a sessão.

Uma nova data deve ser agendada nos próximos dias. O trio pode pegar até 30 anos de prisão em regime fechado caso seja condenado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.

Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.