sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Agente penitenciário agredido em presídio paulista no dia 28/11/13. Pacaembu.

Segundo informações de diversos companheiros, um agente penitenciário foi agredido por sentenciados  na Penitenciária de Pacaembu, segundo esses companheiros, ele foi agredido com socos pelas costas quando abria uma cela para que sentenciados fosse para a tranca no horário do almoço.

Segundo esses companheiros ainda, o pavilhão ficará na tranca por 15 dias, o GIR fez a tranca do pavilhão após o ocorrido, foi efetuado B.O. e transferido mais de 20 sentenciados para uma penitenciária de regime mais rígido do estado de São Paulo.

Disseram ainda que o ASP está bem fisicamente, mas certamente fica a situação psicológica.
Melhoras ao agente penitenciário e força aos companheiros de Pacaembu.


ATÉ QUANDO!?



.

5 comentários:

  1. PRECISAMOS COBRAR DAS AUTORIDADES COMPETENTES REFORMAS NA PARTE FÍSICA DAS PENITENCIARIA A FIM DE MINIMIZAR A PRESENÇA DOS AGENTES JUNTO A MASSA CARCERARIA. ACREDITO QUE UM ESTUDO PODERIA RESOLVER BOA PARTE DESSES PROBLEMAS.
    QUEM SABE UM DIA ISSO ACONTEÇA .

    ResponderExcluir

  2. 29/11/2013 09h43 - Atualizado em 29/11/2013 09h43


    Agente penitenciário sofre agressão de detento no presídio de Pacaembu

    Homem levou socos nas costas quando fazia a tranca das celas.
    SAP informou que solicitará transferência do preso para segurança máxima.

    Pedro Mathias Do G1 Presidente Prudente

    Um agente penitenciário de 39 anos foi agredido dentro da Penitenciária “Ozias Lúcio dos Santos”, em Pacaembu, por um detento. O caso aconteceu na manhã desta quinta-feira (28) e foi registrado na delegacia da cidade como lesão corporal e injúria.

    A agressão aconteceu durante a tranca das celas. De acordo com o delegado André Eustáquio da Fonseca, quando o funcionário foi abrir o portão levou dois socos nas costas. “Ele recuou e tentou se defender. Depois, entrou em uma gaiola de proteção e comunicou a direção do presídio sobre o ocorrido, momento em que foi xingado”, relata.

    A identidade do agressor, bem como sentença e crimes cometidos, não foi informado pela penitenciária, ainda segundo informações do delegado.

    A Secretaria de Administração Penitenciária do Estado de São Paulo (SAP) confirmou a agressão e informou que o agente foi encaminhado à Santa Casa local, onde passou por atendimento e retornou à unidade prisional.

    “O preso agressor foi removido da penitenciária para cumprimento de sanção disciplinar. A SAP solicitará a internação do preso no Regime Disciplinar Diferenciado (RDD), pelo prazo máximo previsto na legislação penal”, informou em nota.

    ResponderExcluir
  3. É fácil acabar com as agressões a funcionários! É só deixar a Unidade inteira de castigo, sem visitas, e sem TV, por apenas 01 mês! Aí acaba essa covardia!

    ResponderExcluir
  4. ALGUÉM DOS DIREITOS HUMANOS PROCUROU O FUNCIONÁRIO AGREDIDO PARA SABER DE SEU QUADRO FÍSICO E PSICOLÓGICO?

    ResponderExcluir
  5. Quem lida com animais em cativeiro esta sujeito a fatos como esse, o que a SAP tem de fazer é minimizar ou impedir o contato dos Guardas com os animais, quem tranca raio de cadeia super lotado sabe do que eu estou falando.

    ResponderExcluir



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.

Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.