terça-feira, 11 de novembro de 2014

A Secretaria da Administração Penitenciária de São Paulo será extinta em 2015???


Segundo alguns colegas de trabalho, o governo de São Paulo irá extinguir a SAP, esses colegas me disseram que o buxixo está forte.
Como todos amigos desse blog sabem, não sou de postar buxixos ou boatos, mas recebi muitos e-mails com essa informação, dizem que será a partir de janeiro com a nomeação de novos secretários de estado.
Devido o alto alcance desse blog entre os servidores penitenciários de São Paulo, deixo duas perguntas aqui para que os colegas façam o debate sobre o assunto e crio uma enquete sobre o assunto nesse BLOG para os amigos responderem.
1- É interessante mudar de secretaria? Se sim, qual?
2- Você ouviu algo parecido por esses dias?

Já fomos da segurança pública e da justiça, a secretaria da administração penitenciária nunca agiu com profissionalismo ao que se refere a forma de indicar diretores de unidades, que deveriam ser  através de concursos públicos e nesses mais de 20 anos que existe não teve competência de criar a nossa lei orgânica, não investiu em tecnologias existentes, não contratou servidores penitenciários suficientes,  além de ter recebido os problemas da SSP sem reclamar,  como os presos que estavam em cadeias públicas e distritos, mesmo sem condições para recebê-los e HIPERLOTANDO os presídios,  onde trabalhamos com um terço de servidores em um presídio e com o triplo da população carcerária "ideal" de um presídio, no ano de 1994 que a SAP era recém criada tínhamos uma média de 2,17 presos por agente penitenciário, com essa postura de dizer amém para o governo e trazer os presos dos distritos e destruir a Casa de Detenção, essa SAP só serviu para "esconder a sujeira em baixo do tapete", pois tirou o sistema prisional dos olhos da sociedade quando tirou os presos dos distritos policiais que ficavam nos centros das cidades e enviou para as regiões rurais, onde a imprensa é proibida de entrar, só entra em presídios para fazer matérias que fazem propaganda do desgoverno de São Paulo,   se a SAP não fez o que era preciso fazer até agora, não fará nunca...
Jenis de Andrade
Agente penitenciário

A única informação oficial que temos sobre diminuição de secretarias é essa reportagem:



Alckmin deve anunciar corte de cinco secretarias do governo estadual

Governador quer enxugar a máquina pública; decisão das pastas extintas será anunciada nesse fim de semana



Redação TV Cultura Jornalismo
31/10/14 21:38 - Atualizado em 31/10/14 21:39

      

O governador Geraldo Alckmin estuda extinguir cinco secretarias do governo de São Paulo. A máquina pública estadual, que hoje conta com 25 pastas, passaria a ter 20. Entre as cotadas para a extinção estão as secretarias de Agricultura, e a de Turismo.

Segundo a Secretaria de Planejamento, em 2014 a Agricultura responde por gastos da ordem de R$ 1,1 bilhão do orçamento (valor que engloba despesas com pessoal, investimento e custeio de programas, e Turismo, por sua vez, representa R$ 356 milhões em despesas pelo orçamento).

Com o potencial corte de apenas essas duas pastas, os cofres estaduais economizariam cerca de R$ 1,4 bilhão.

O objeto de Alckmin ao enxugar a máquina é cortar gastos e facilitar a gestão. O governador vai decidir quais secretarias serão cortadas nesse final de semana.

Vai ser a primeira medida administrativa tomada pelo governador após a sua reeleição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.

Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.