quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

Matéria jornalística sobre o assalto da VTR e de clicks no CR de Sumaré.


Fonte: http://portal.tododia.uol.com.br/_conteudo/2014/12/policia/56191-homem-assalta-unidade-prisional.php

Mais uma prova de que se até escola tem segurança armada(ronda escolar), todo e qualquer presídio, independente se é CR ou CPP, precisa de segurança armada nas torres, se é um CR que não tem torre, fecha as portas e construa outro presídio com estrutura, nesse CR de Sumaré já teve até ganso na linha de tiro, mas certamente acham desnecessário... Ganso pode até não assustar alguém, mas faz muito barulho, talvez seria o tempo de ligar 190, porque não cães também, já que a maioria das unidades de regime fechado tem canil e agentes que dominam o assunto.
Se eu assistisse um assalto dentro de um presídio, acho que precisaria de uns bons anos de terapia. É de ficar indignado... Mas friso que os trabalhadores agiram da melhor forma, a incompetência toda é da SAP.
 



Homem assalta unidade prisional

Polícia

24/12/2014-10h19 - Atualizado em 24/12/2014-11h43



Um homem encapuzado invadiu o Centro de Ressocialização de Sumaré na noite de segunda-feira, rendeu três agentes penitenciários, roubou materiais da polícia e fugiu do local com uma viatura. Durante a ação, ele trancou os três funcionários em uma cela da unidade prisional. As informações são da Assessoria de Imprensa da SAP (Secretaria Estadual de Administração Penitenciária).

O caso aconteceu por volta das 20h50. De acordo com a secretaria, o indivíduo encapuzado invadiu o Centro de Ressocialização de Sumaré, supostamente pelo telhado da administração e, simulando estar armado, rendeu os três agentes que trabalhavam na portaria da unidade e os trancou em uma cela de inclusão.

O indivíduo permaneceu no local cerca de uma hora e nesse tempo arrombou a porta de três salas, de onde roubou três chaves, duas lanternas, um conjunto de chave da portaria e revisora, três algemas, uma máquina fotográfica, dois coletes balísticos e um capacete de motociclista. A SAP informou que comunicou o caso às polícias Civil e Militar e instaurou uma apuração preliminar sobre o caso.

Ele também perguntava pelo dinheiro utilizado para pagamento do pecúlio dos reeducandos que seriam beneficiados pela Saída Temporária de Natal e Ano Novo. Todavia, os funcionários informaram que não havia dinheiro na unidade.

Antes de sair, liberou um dos servidores, que foi obrigado a indicar a chave de abertura do portão de entrada do CR. A viatura com a qual ele fugiu da unidade é um Palio Weekend descaracterizado.

O servidor soltou os demais e eles acionaram a diretoria da unidade e a autoridade policial.

DESARMADOS

Por se tratar de unidade prisional de regime semiaberto, não há guardas na muralha. Os agentes que atuam internamente trabalham desarmados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.

Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.