quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Professora tenta entrar com 4 celulares em presídio de Pacaembu-SP


Fonte: http://g1.globo.com/sp/presidente-prudente-regiao/noticia/2014/12/professora-tenta-entrar-com-4-celulares-em-presidio-de-pacaembu.html

Professora tenta entrar com 4 celulares em presídio de Pacaembu
Profissional afirma que era ameaçada há 2 meses por ligações telefônicas.
Ela dava aulas na unidade; ação foi interceptada nesta quarta-feira (3).
Vinícius Pacheco
Do G1 Presidente Prudente

Presos permanecem foragidos de acordo com a SAP (Foto: Reprodução/Tv Fronteira)
Unidade fica na Rodovia Comandante João Ribeiro
de Barros (Foto: Reprodução/Tv Fronteira)
Uma professora de 48 anos que dá aulas na Penitenciária "Ozias Lúcio dos Santos", em Pacaembu, tentou entrar com quatro celulares na unidade prisional na tarde desta quarta-feira (3). De acordo com a Polícia Civil, os agentes penitenciários notaram quando ela começou a retirar dois pacotes com os aparelhos de sua roupa e interceptaram a ação.
Conforme o delegado Hilton Testi Renz, a profissional, que ministra disciplinas como português e matemática, chegou por volta das 15h na unidade e passou pelo detector de metais, que não disparou. Em seguida, ela começou a retirar as embalagens com os telefones dos bolsos e foi averiguada pelos agentes. “Inicialmente, a professora se negou a entregar o material. Ela só deixou os itens serem vistoriados com a chegada do diretor de disciplina da unidade”, explica.
A mulher afirmou que sofria ameaças constantes de um número privado em seu celular. “Ela recebia ligações com número restrito no seu celular há dois meses. Quem estava na linha dizia que sabia onde a filha dela estudava e que poderiam tomar alguma atitude se ela não fizesse o serviço”, relata o delegado.
Em depoimento à polícia, a professora disse que os celulares chegaram pelo correio e deveriam ser entregues para detentos da penitenciária. Ela responde criminalmente por entrada ilegal de aparelho de telefonia móvel em estabelecimento prisional, conforme Henz.
“Estamos instaurando inquérito para apurar se estas informações serão ou não confirmadas. Ela deve responder em liberdade, pois não existe a denúncia de que ela recebeu dinheiro para realizar este transporte do material”, explica o delegado.
A Secretária de Administração Penitenciária (SAP) determinou que a professora não mais entre na prisão, bem como solicitou a sua imediata substituição.

37 comentários:

  1. Essas coisas acontecem no estado todo e tem muitos diretores fazendo vista grossa ,querendo mostrar que esta tudo normal....não sei como conseguem colocar a cabeça no travesseiro e dormir em paz....

    ResponderExcluir
  2. Tem muito diretor e agente que tem relacionamento com essas professoras que dão aula dentro das cadeias. Aí eu digo. Será que pessoas como nós que temos tanta responsa dentro dos presídios não temos que selecionar mais as pessoas com as quais nós convivemos? Uma vez que sabemos que essas pessoas que adentram as cadeias são muito visadas.

    ResponderExcluir
  3. Jenis voltando ao assunto do GIR que todo mundo já discutiu. Gostaria de fazer uma ultima pergunta. O que vai ser feito pela SAP pra saber se por onde esses malas passaram não foi deixado mais armas e celulares para os presos???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nossa como tem cara que realmente nao pensa para escrever aqui. primeiro se, se, se essas pessoas levaram armas ou celulares em outros locais e nao teve flagrante, mesmo que achem alguma coisa la nao vai ser possivel imputar a eles, segundo, a sap ja esta fazendo, ela obriga os asp a fazer blitz completa todo mes, é so pensar um pouco cara

      Excluir
  4. por isso que todos que entrao numa unidade prisional, devem ser investigados principalmente os da funap, nao é o primeiro incidente do tipo, ameaça não é causa para agir assim, todos temos respaldo pelo diretor de segurança ou delegado, já uma vez associado ao crime, o preço pago é caro, todos devem ser severamente investigados!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todos que adrentam a unidade devem ser melhor investigados, mas infelizmente isso não nos livrara dos corruptos, ou seja, professores, asp, enfermeiras, diretores, gir e etc. O importante é que o honesto continue a fazer a sua parte.

      Excluir
  5. Alguem avisa o cordenador pra ouvir os funcionarios do cdp osasco 2 sobre os presos que trabalham la....depois me conta.

    ResponderExcluir
  6. Oh...a titia iria dar mais um dia de aula aos reeducandos, AH..e com o apoio da escolta do ilusstríssimo ASP, bem trajado com toda segurança do mundo farda completa, gás de pimenta, com mais uns cinco companheiros afinal a salinha de aula deve ter uns trinta meninos educados que somente mataram, estupraram, assaltaram, mas estão se recuperando com a ajuda da titia, ou melhor, professora. QUE PIADA

    ResponderExcluir
  7. Como assim? passou pelo detector de metais e não disparou? tem coisa estranha ai.

    ResponderExcluir
  8. Balela,conversa fiada,que tinha sido ameaçada,por telefone,essas pseudo profissionais,tem é envolvimento sentimental com o ladrão,apego,isso sim,tem vários exemplos pelo sistema afora,que professoras,assistentes sociais,psicólogas, tem fascínio pelo ladrão,quando estava em São paulo,teve até uma psicóloga que se correspondia via carta como ladrão,e aí caiu,e depois foi uma choradeira,querem ensinar,vão em uma creche,lar de crianças abandonadas,e não em cadeia ensinar vagabundo a ler e escrever,vagabundo tem que aprender é com o "chico" doce no lombo isso sim,bando de hipócritas,esse tipo de gente para mim é pior que qualquer ladrão,não suporto ver na unidade em que trabalho a salinha de aula cheia de "aluninhos comportados",se dedicando e as "titias" sorrindo e ensinando os "menininhos",a ler e escrever,que nojo!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkk pior que o companheiro tem razão !!!!

      Excluir
  9. Essas patifarias são mais comuns do que pensamos, li aqui no site uns dias atrás que la no CPP em São José do Rio Preto, os ASPs da portaria também flagraram um professor tentando entrar também com celular escondido e apesar de terem dado o flagrante o Disciplina e o DG passaram um pano, imagina como deve ser lá também. Como disse o colega as 12:57PM, em Osasco também a patifaria impera. PIADA PURA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AÍ CORREGEDORIA! AÍ MINISTÉRIO PÚBLICO!

      LERAM ISSO! ENTÃO É NO MÍNIMO PREVARICAÇÃO!

      PRA CIMA DESSA DIRETORIA!

      Excluir
    2. RAPAZ, PRA NÃO SER INJUSTA, OU FALAR BESTEIRA CONVERSEI PELO FACE COM UM COLEGA QUE TRABALHA LÁ NO CPP CITADO. E AS COISAS SÃO PIOR DO QUE SE IMAGINA E A FITA DESSE PROFESSOR É VERDADE E PASSARAM UM PANO MESMO, TEVE ATÉ UM AGENTE QUE APANHOU E NINGUEM FEZ NADA, PARECE QUE É O PCC QUE MANDA NA CADEIA. POLÍCIA, MINISTÉRIO PÚBLICO, CORREGEDORIA PRA CIMA DESSES DIRETORES.

      Excluir
  10. PREPAREM-SE DEMAIS PROFESSORES DA SAP POIS AS HIENAS BOCA PODRE DE PLANTÃO NÃO POUPARÃO OS NOBRES EDUCADORES DA MALDOSA GENERALIZAÇÃO.

    ResponderExcluir
  11. Acredito que em toda categoria há pessoas de índole e de bom caráter, bem como há os que são desprovidos de qualquer caráter. Sou agente há 20 anos e sempre fui transparente em minhas atitudes de cumprir minhas atribuições e dentro do regimento desta categoria, bem como o que prega a LEP, reconhecendo os direitos e deveres da população encarcerada. Não concordo com o colega que denigre a imagem de professores que também são comprometidos em seu trabalho. Há pessoas que dizem e agem de maneira humana sim, mas dentro do respeito e da lei. No entanto presenciei diversas vezes "colegas" "grosseiros", "durões"," exigentes" e até "caceteiros", que após alguns anos foram descobertos como corruptos e sem escrúpulo. As opiniões devem ser respeitadas e as pessoas também, até que se prove o contrário. Abraços.

    ResponderExcluir
  12. Na P2 de Serra Azul nenhuma mulher leva porte no turno C.
    Duvido alguém falar o contrário, é só ver as câmeras de segurança do setor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. VAMOS INVESTIGAR ISSO! FIQUE TRANQUILO!

      Excluir
    2. Essa PII de Serra Azul é uma comédia e quantos estão de licença mesmo?

      Excluir
    3. A Pll de Serra Azul é muito boa pra trabalhar

      Excluir
  13. O vagabundo numca gostou de estudar agora que ta preso vai? é so entregar livros e boa se vira pra aprender sozinho, pra que professora?ninguem precisa de estudo pra ser traficante, ladrão ou estuprador, fim de linha, fica preso so comer boia do estado, porque se ficar na rua passa fome...... tudo pe de chinelo, nóia!!!

    ResponderExcluir
  14. Aqui na oeste em bernardes, o malandro saiu de liberdade e levou também a professora para sampa e viveram felizes, até quando não se sabe Até ir em cana de novo!!!

    ResponderExcluir
  15. GENTE SERÁ QUE A CORREGEDORIA, O LOURIVAL OU OS COORDENADORES NÃO LEEM ESTE BLOG?

    QUANTAS DENÚNCIAS QUE SÃO FEITAS POR COLEGAS AQUI, QUANTOS PODRES, QUANTOS ARRODONDAMENTOS, TUDO ISSO PRECISA SER INVESTIGADO!

    QUE O SISTEMA É PODRE, FALIDO TODO MUNDO SABE!

    ACONTECE QUE PARECE QUE AGORA O SISTEMA ESTÁ RUINDO DE VEZ! VAI CAIR NA NOSSA CABEÇA! AGUARDEM E VERÃO!

    ResponderExcluir
  16. O que não foi mencionado na reportagem é que, a mesma professora, ministrava aulas no período da manhã no CPP ao lado. Lá, não há passagem no detector de metais, muito menos raio x em pertences de funcionários. Imaginem quantos ela não colocou lá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se não houver procedimento administrativo no semi aberto vai ficar estranho!deve ter descarregado a rodo tambem, fora a conta dela ou de terceiro deve estar bufando de dinheiro sujo, só apertar o ladrao, entrega todo o jogo....

      Excluir
  17. CADEIA TEM QUE REVISTAR TODO MUNDO SERA QUE NINGUEM APRENDEU ISSO NA ACADEPEN?INCLUSIVE SE APITOU NO RAIO X E DIZ QUE É BOTÃO DA CALCINHA OU SUTIÃO OU TIRA E PASSA OU SENTA NA PORTARIA E DA AULA POR LA SE NÃO VAI PRA CASA E ABONA O DIA MAS NA CADEIA NÃO ENTRA POIS OS PILANTRA FICAM FILMANDO ESSA FALHA E POE FALHA NISSO ONDE JA SE VIU DETECTOR É PRA SER USADO E NÃO LESADO!

    ResponderExcluir
  18. O engraçado é que, o docente que é asp ou aevp, pode dar curso na eap. E o mesmo não pode dar aula em penitenciária.

    ResponderExcluir
  19. Séria o mesmo que colocar a ovelha pra dar aulas pro lobo e vice e versa

    ResponderExcluir
  20. Com certeza essa kenga já devia ter relacionamento com mala na rua. Tem que descer paulada nessa égua!

    ResponderExcluir
  21. Sou Oficial Operacional Motorista e quero expressar também os meus sentimentos a todos os integrantes do GIR, sabemos o quanto é sério o serviço deste grupamento, tenho certeza que medidas serāo tomadas, treinadas e aperfeiçoadas para evitar brechas que atrapalhem e comprometam todo um serviço e empenho de pessoas sérias.

    ResponderExcluir
  22. ASP e AEVP dando aulas pra ladrão dentro da cadeia???? Piada

    ResponderExcluir
  23. E o que dizer dos que tentam diblar o detetor indo e voltando várias vezes o peão tem que passar de primeira e se apitar pelado..... ajuda ai o JENIS isso tem que ser padrão vamos melhorar a vida do guarda.E quanto a polícia penal? Negativo é puliça pé no anal

    ResponderExcluir
  24. Bomba...bomba .... e tinha ASP "catando" a professorinha na rua. Corta pra 18... e ai eu te pergunto Percival, vc gosta da bonitinha? ...kkkk

    ResponderExcluir
  25. Hi,the information that you provided is great.The content that you provided impress the starts to get into SAP stream and it boost the SAP professionals to enhance their subject. THANKS SAP BPC ONLINE TRAINING

    ResponderExcluir



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.
Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.