domingo, 1 de fevereiro de 2015

Automatização ou mecanização?Porque a polêmica? Presídio tem que ser "FLEX".

Após o motim com dois reféns na penitenciária de Junqueirópolis, onde a SAP disse em nota oficial que foi apenas tentativa de fuga, apesar de ter ficado dois ASPs de refém, um sindicato aproveitou a situação para criticar a mecanização da Penitenciária de Junqueirópolis, idealizada por um agente penitenciário e apoiado por outro sindicato, a automatização tem as suas falhas também, que comento no final do texto.

Com isso, a matéria no site desse sindicato só serviu para polemizar o assunto automatização e mecanização, visto que a unidade de Junqueira é mecanizada, onde o Agente Penitenciário abre e fecha as celas por cima das celas, sem nenhum contato com presos dentro do raio, melhorando muito o trabalho de segurança, pois quando o agente penitenciário entra em um raio(pavilhão de presos) ele se torna um mero refém, muitas vezes sozinho e trancado com até 400 presos, o ponto positivo da mecanização é a manutenção fácil e sem necessidade de pessoal especializado para fazer a manutenção.

Acredito que esse assunto não deve ser polemizado e sim ter as boas idéias somadas,  em março de 2012 eu reivindiquei ao deputado Carlos Giannazi que elaborasse um projeto de lei, o deputado elaborou o PL 153/12 e nem por isso eu fico dizendo que a idéia da automatização é minha, eu reivindicava a automatização/mecanização desde 2006, após os atentados, nesse caso do projeto a palavra automatização foi mais prática para entendimento dos leigos no assunto, mas o formato mesmo, tem que ser debatido entre os representantes de classe e não ficar apenas criticando quem é o "pai da criança" ou qual idéia é melhor.

Mas, esse assunto sempre foi motivo de polêmica, quando o deputado apresentou esse projeto, alguns diretores de um outro sindicato se reuniram com o deputado e queriam que o deputado mudasse para mecanização em vez de automatização, conforme estava no projeto, alegavam esses sindicalistas que iria diminuir o número de agentes nas unidades com a automatização.

O que importa é o agente penitenciário não ter contato com números gigantescos de presos, veja que em presídios federais até as salas de aulas tem grades para o professor ficar e ele não tem contato direto com o preso.

O projeto IDEAL:
Assim como os automóveis se evoluíram e se tornaram FLEX, acho que as celas teriam que ser automatizadas e mecanizadas, pois não vamos ser ingênuos, assim como a matéria do sindicato que polemizou o assunto, e achar que presídios automatizados terão manutenção quando quebrarem, a 30 anos já existia presídios com alguns setores como seguro e castigo automatizados,só que quando quebraram foram abandonados, portanto se tiver os dois sistemas, quando quebrar o automatizado que é mais sensível, depende de energia elétrica, mecanismos elétricos e são mais complexos, se as  celas forem mecanizadas também,  o presídio terá a opção do agente penitenciário não entrar dentro do RAIO que tem UM TRIPLO da capacidade geralmente e muito menos ASPs do que deveria ter nos raios, com a mecanização, o agente abriria as celas por cima e sem nenhum contato direto com centenas de presos. Acredito que em vez dos sindicalistas ficarem querendo dizer que uma idéia é melhor que a outra, vamos somar e vamos olhar pra frente, não podemos voltar atrás, esse projeto é a única solução para o ASP ter um pouco mais de dignidade e segurança dentro dos presídios.

Quando entrei no sistema penitenciário em 1994, tínhamos plantões com até 80 agentes de segurança penitenciários, portanto na questão de segurança, esse processo de automatização e mecanização é solução, ja que a falta de funcionários tem a tendência de aumentar cada vez mais, quanto as questões de ressocialização ou dignidade do preso, esse é um debate mais amplo, que depende tão somente do desgoverno de São Paulo, construindo presídios e contratando milhares de agentes penitenciários, se você que é da área da segurança trabalhar com 5.000 presos em um presídio pra 700, mas sem contato com 400 ou 500 presos em um raio, você terá dignidade pra trabalhar, coisa que não temos nos presídios paulistas.

Jenis de Andrade
Agente Penitenciário que trabalha em um raio HIPERLOTADO e escreve o que vive e não o que contam pra ele.

25 comentários:

  1. Concordo com voce amigo Jenis, em genero, numero e grau. Não devemos agora polemizar qual é o melhor. Sempre no meu facebook eu escrevo a respeito destes pseudosindicalistas e inclusive a alguns dias tive uma rusga com o tal presidente a respeito do DEJEP que eles tanto defendem. Agora temos que somar ideias, pois do jeito que vai ,, vai piorar.
    Sou de 1990 e tambem já trabalhei com 50 ou mais asps no plantaõ, e hoje somos oito (a noite) na minha unidade.

    ResponderExcluir
  2. Concordo que tem que haver as duas opções juntas, automatização e mecanização, tudo tem que ser resolvido por todos, não só pelo Governo,Secretário, Coordenador e Diretores de Presídio, tem que haver de ambas as partes questões relacionadas as duas opções quanto a sua eficiência,falhas, principalmente a presença de funcionários que lidam com os presos diretamente, ou seja, toda a questão quanto a segurança das Unidades tem que haver sim participação de todos e não de uma minoria ligada diretamente ao Governo.Este é o meu parecer desta situação!

    ResponderExcluir
  3. Gostaria de fazer um questionamento sobre uma reportagem, que estampa a pagina da internet do sindicato sifuspesp.
    http://www.sifuspesp.org.br/index.php/materia-1/3033-aevps-vao-se-reunir-com-coremetro-apos-visita-do-sifuspesp-a-base-de-santana.html
    Pode ser que muitos não entenda o meu ponto de vista, mas quero apenas alertar sobre irregularidades que estão fazendo contra os AEVPs , ASPs e Administrativo da SAP, que deveria ser levado ao conhecimento da Secretaria da Fazenda e Procuradoria Geral do Estado para apurar a conduta do coordenador em questão.
    Quanto a postura do sindicato deixo, para cada um fazer sua analise.
    Banco de horas
    O que me chama a atenção e o sindicato apoiar uma fala do coordenador, Hugo Berni sobre o banco de horas.
    1 - O estado não tem banco de horas e se tivesse deveria ser para todos os servidores como ASP, AEVP e para isso deveria ter uma assembleia para discutir o assunto pois todos nos sabemos que para tirar um banco de horas tem que ter funcionários para cobrir a folga e para solicitar o tal banco de horas teria que ficar mendigando para o chefe que não tem interesse algum em liberar a tal folga.
    2 – “Banco de horas” se o estado pagasse em dinheiro faria uma diferença para muitos servidores, pois incide sobre 13º e férias. E muitas unidades não seguraria os funcionários a revelia como acontece hoje por 30 minutos ate 1 hora isso diariamente.
    3 – Parabens aos AEVPs que conseguiu este banco de horas mas fica um alerta como esta sendo apontado em seu cartão de ponto,” como trabalhos esterno”.
    4 – Já tivemos casos de funcionários que tirou a tal folga ao chegar a fiscalização da fazenda ter que devolver o dinheiro do dia trabalhado. Ou alguém do RH vai registrar o seu ponto como você estivesse trabalhando.
    5 – E se você que esta em banco de horas por uma fatalidade esteja na rua e sofra um acidente? Você estaria, respaldados ou seria uma ordem absurda , sua família estaria respaldada.
    6 -
    Fica aqui a lei que o sindicato deveria ler antes de publicar em seu meios de comunicação para não levantar questionamentos.
    BANCO DE HORAS
    O chamado banco de horas é uma possibilidade admissível de compensação de horas, vigente a partir da Lei 9.601/1998.
    Trata-se de um sistema de compensação de horas extras mais flexível, mas que exige autorização por convenção ou acordo coletivo, possibilitando à empresa adequar a jornada de trabalho dos empregados às suas necessidades de produção e demanda de serviços.
    Vale esclarecer que a inovação do banco de horas abrange todos os trabalhadores, independentemente da modalidade de contratação, se por prazo determinado ou indeterminado.
    O que rege o estatuto do funcionário publico.

    ResponderExcluir
  4. Estatuto dos Funcionarios Publicos do Estado de São Paulo de 1968 - Lei 10261/68 | Lei nº 10.261, de 28 de outubro de 1968

    SEÇÃO II
    Do Horário e do Ponto
    Artigo 117 - O horário de trabalho nas repartições será fixado pelo Governo de acordo com a natureza e as necessidades do serviço. Ver tópico (1 documento)
    Artigo 118 - O período de trabalho, nos casos de comprovada necessidade, poderá ser antecipado ou prorrogado pelo chefe da repartição ou serviço. Ver tópico (1 documento)
    Parágrafo único - No caso de antecipação ou prorrogação, será remunerado o trabalho extraordinário, na forma estabelecida no art. 136. Ver tópico (1 documento)
    Artigo 119 - Nos dias úteis, só por determinação do Governador poderão deixar de funcionar as repartições públicas ou ser suspenso o expediente. Ver tópico (16 documentos)
    Artigo 120 - Ponto é o registro pelo qual se verificará, diariamente, a entrada e saída do funcionário em serviço. Ver tópico (431 documentos)
    § 1º - Para registro do ponto serão usados, de preferência, meios mecânicos. Ver tópico (1 documento)
    § 2º - E vedado dispensar o funcionário do registro do ponto, salvo os casos expressamente previstos em lei. Ver tópico

    Vou ser muito criticado mas se manifestar e uma forma de dizer que não estamos contente e que em nossa secretaria não pode nos tratar com descaso e que se o sindicato em questão não faz nada por nosso direitos sempre alguém vai nos alertar e fazer questionamentos bons e ruins e assim na coletividade onde todos opina o e participa das decisões. Essa e uma forma de dizer aos nossos representantes no caso o sindicato que não queremos acordos obscuros que a maioria das vezes so beneficia a secretaria ou alguns em seus meios.

    ResponderExcluir
  5. A penitenciária de Junqueirópolis, construída em 1998 para 792 presos e hoje com quase 2000, sendo esta em sistema cruz, um dos piores modelos para se trabalhar nas condições atuais, já que por natureza é um local com muitos postos de trabalhos e com um número reduzido de funcionários, faz milagres para conseguir manter a ordem e a disciplina. Os funcionários desta Unidade participaram do processo de decidir o que seria melhor, mecanização ou automação e no final, decidiu-se pela mecanização, pois seria mais barato, de fácil manutenção, já que ali se caem muitos raios e resolveria o problema de contato com os presos. O próprio sindicato que hoje relata que a mecanização é obsoleta e insegura, esteve na Unidade e fez várias fotos e postou na sua página como uma conquista. Nenhuma Unidade é 100% segura, seja mecanizada, seja automatizada. Em Junqueirópolis não houve falha funcional no episódio da tentativa de fuga, pois ela não foi concretizada devido ao brilhante trabalho em conjunto entre ASPs e AEVPs. Mas ai muitos se perguntam: Mas como uma Unidade mecanizada, que o funcionário não possui qualquer contato com os presos foi rendida? Quem trabalha em uma cadeia superlotada irá entender. Da gaiola, duvido que alguém consiga visualizar um pátio com 100% de segurança com vários varais de roupas estendidas? Pois bem, com isso, presos em um ponto cego, serraram o alambrado que cobre o pátio e se esconderam no telhado e no momento em que se abriu o compartimento que dá acesso à parte superior o funcionário foi rendido e com isso a gaiola também. Ah, mas se fosse automatizada isso não aconteceria certo? Sim, pode até ser, mas há outros pontos nesta Unidade que poderia ser rendida, seja no atendimento, seja na disciplinar ou até mesmo de fora para dentro, que neste caso pegariam todos os funcionários como reféns. Esta Unidade é um exemplo para o Estado, pois não registra fuga, possui um quadro funcional pequeno, porém comprometido, nunca foi reformada, possui todos os vidros das janelas das celas, possui uma Execução ruim, pois não progride o preso com agilidade e é um depósito de lixo, pois na sua maioria só recebe desinternações da P1 de Venceslau. Portanto meus amigos, cada Unidade possui suas peculiaridades. No quesito automação ou mecanização, vejo como excelente para Unidades compactas, pois cada raio só possui 08 celas térreas. No entanto, cabe a cada Unidade escolher o que é melhor para si e os sindicatos se preocuparem com o que realmente importa para os seus associados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais que correto e perfeito o seu comentário companheiro, o pessoal de junqueirópolis está de parabéns, foi a única cadeia do estado, a desenvolver, projetar e construir o seu próprio modelo, funcionários ficam 1 ano batendo massa e carregando tijolos para fazer a mecanização, que os deixaram sim mais seguros, o que aconteceu em junqueirópolis, poderá acontecer em qualquer cadeia superlotada, mas agora absurdo é o comentário oportunista do SINDASP, querendo desmoralizar o corpo funcional ao invés de incentiva-los pelo trabalho, que vergonha Daniel Grandolfo, cada vez mais você enoja e envergonha a categoria, deixa de ser medíocre e vá fazer o que deve ser feito pela categoria, e para de encher com comentários toscos e maldosos e oportunistas !!!!

      Excluir
    2. Parabéns pelo comentário(esclarecedor ),para muitos que não conhecem os dois sistemas (automatização e mecanização),como já foi dito aqui, o ideal seria os dois sistemas ,trabalho em uma unidade automatizada e temos muitos problemas quanto a manutenção ,por não termos pessoal capacitado,para realizá-la.Muitos podem criticar ,mas estar dentro de uma Unidade e estar só, para tomar conta de um Pavilhão com 400,420, presos não é fácil,hoje com a automatização em minha unidade alguns diretores ,querem que o AsP (que já esta só na gaiola),deixe seu posto e vá até o Mirante ,para acionar o sistema das portas ,pois dizem que é somente por alguns minutos ,caso você se negue,á abandonar seu posto, será visto como um funcionário problema.Sei que isto chamasse assédio moral ,porém é muito difícil provar ,mas vamos lutando contra estes diretores que se acham donos do mundo.Desculpe o desabafo.

      Excluir
    3. NÃO ADIANTA AUTOMATIZAR OU MECANIZAR SE O ASP ESTIVER ROBOTIZADO PELA ROTINA. SÓ TOMARAM JUNQUEIROPOLIS PQ OS ASP DEIXARAM OS DOIS PORTÕES DA GAIOLA ABERTO E FORAM FEITOS REFEM. MAS, DEVEMOS DEIXAR CLARO QUE ANTES DISSO,OS PRESOS JÁ HAVIAM ATINGIDO A PARTE SUPERIOR ONDE FICAM OS "FERROLHOS " DE ABERTURA DE CELA.

      Excluir
  6. Fiquei sabendo que mais uma ASP foi agredida em Pirajuí essa noite! Alguém tem mais informações?

    ResponderExcluir
  7. Caros colegas eu acompanho este blog a muito tenpo e por isso expresso minha opiniao olha desde os primordios da historia existe nossa profissao e nos sempre estivemos em contato com os presos essa historia de automaçao ou mecanizaçao e so areia nos nossos olhos criar uma distancia entre nos e os presos dentro da cadeia e so uma forma de esconder o verdadeiro priblema ou aeja a hiper lotaçao deveriamos sim era tentar resolver realmebte o pfoblema ou seja mais vagas no aistena prisional e o numero certo de funcionarioa para tocar o serviço qualquer unidade tendo a capacidade de presos respeitada nao presisa de automaçao ou mecanizaçao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que ter automação sim senhor!!!!! É muito engraçado, tem pessoas que parecem não gostar de melhorias, querem ver é o barco pegar fogo, asp tem que ser uma família unida, dá pra ver a satisfação dos asp a cada serviço concluído, temos que apoiar as melhorias que nos são oferecidas e não ficar reclamando.

      Excluir
  8. jenis boa noite, você tem alguma informacão se vai nomear mais alguém do restantes, dos candidato que estão na lista do concurso de 2013,ainda este mês de fevereiro.aguardo suas informações.muito obrigado.

    ResponderExcluir
  9. jenis vão nomear mais asp neste mês de fevereiro?miuto obrigado.

    ResponderExcluir
  10. CADA UNIDADE É UNICA E SEUS FUNCIONARIOS DEVERIAM OPINAR SOBRE O MELHOR PRA ELES E NAO PARA A DIRETORIA

    ResponderExcluir
  11. jenis vão chamar mais alguém dos candidato do concurso de 2013,ainda este mês de fevereiro.muito obrigado.

    ResponderExcluir
  12. pra começar só tirar os asp do administrativos, que termos um corpo funional mais completo, mas não suficiente!!!!!quamto ao excesso de preso não há o que fazer, mas sim já que temos de suportar que nós deveriamos ganhar pelo excesso, como um adiconal por lotaçao excessiva, devemos receber pelo trabalho e risco a mais que corremos, quantos aos asp que são diaristas que se tornem oficial administrativo e recebam o salario do mesmo, se não que volte pra segurança, estamos trabalhando pra esses gravatinhas,q ue tem medo de ladrão

    ResponderExcluir
  13. Bom dia Jenis, aqui em Guareí ta um boato sobre redução do número de DEJEP nas unidades. Alguem ta sabendo algo sobre isso????

    ResponderExcluir
  14. o que precisamos é que a justiça entre a nosso favor e determine que os presídos fiquem com sua capacidade de presos corretos,trabalhei em osasco II e la chegamos a ter 2600 presos num lugar onde só cabem 768 detentos. E pra piorar a situação esse desgoverno a alguns meses publicou uma nota dizendo que havia aumentado o numero de vagas nos presídos e nós todo sabemos que é mentira pois as outras celas que tem na cadeia são para presos internos ou seja: RCD,MPSP INCLUSÃO e ENFERMARIA. Mas tambem sabemos que os DGs ou DCSD nunca vão ser contrarios a esse tipos de noticias pois eles ganham um cala boca bem gordo,casa,agua,luz internet,telefone,e sem contar a percapita então meus amigos,infelizmente vão pro serviço e façam só o de vcs nada de inventar moda,tirem suas 12 trabalhando corretamente e mais nada,porque nem,DG ,nem coordenador,nem secretario e muito menos esse picolé de chuchu que é um lixo,estão se importando com o que acontece com nós agentes. Forte abraço a todos!!

    ResponderExcluir
  15. Jenis queria dar uma ideia ;se for possível criar no seu site tipo um bate papo onde possa debater todos os tipos de assunto pertinente a Profissão de agente e sobre o sistema , onde não possa entrar em anônimo pra evitar ofensas ou por segurança que seja anônimo mesmo acho que seria legal porque poderíamos dar muitas opiniões sem ter que ser por comentário de um assunto próprio acho que seria util

    ResponderExcluir
  16. Para quessas idéia meu truta!!!Tirar os guardas do administrativo e botar para rodar chave???Perder minha salinha com ar condicionado???Cê bebeu maria louca???Se a sua estrela não brilha não tenta apagar a dos outros,queridão.

    ResponderExcluir
  17. o estrelinha pisca pisca, na real sou asp, fiz concurso pra rodar chave, não administrativo, se fosse faria outro concurso melhor, pra ficar no ar condicionado, não puxo saco de ninguem, nem quero....

    ResponderExcluir
  18. jenis eu queria saber quando vai acabar de chamar os asp masculino e feminino de 2013

    ResponderExcluir
  19. Estamos todas ansiosas para ver o resultado da 4 fase feminina!!!!! ta demorando demais!!!!

    ResponderExcluir



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.

Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.