segunda-feira, 11 de abril de 2016

Agente penitenciário é agredido por preso em Penitenciária paulista.

Fonte: Araraquara.com
Agente penitenciário é agredido por preso

Ele foi atingido por um chute e mordidas na mão

11h37 | 10/04/2016
Araraquara.com / Da reportagem


Um agente penitenciário de 41 anos foi chutado e mordido por um preso na noite de quinta-feira (07), dentro da Penitenciária de Araraquara.

O registro da ocorrência foi feito na noite de sábado (09) e, segundo o relato da vítima, o agressor é um jovem de 20 anos, preso na cela 17 do raio 2 da Penitenciária.

Na quinta-feira, o detento disse estar se sentindo mal e pediu para se levado à enfermaria. Ele foi atendido e passou um tempo em observação. De volta à cela, pediu novamente por atendimento médico alegando estar se sentindo muito mal.

Ele foi tirado do local algemado e então passou a gritar e a xingar os funcionários. Neste momento, foi informado que, após o atendimento médico, ele seria levado ao setor disciplinar. O rapaz ficou revoltado e ficou ainda mais nervoso, dizendo que estava sendo levado injustamente. Presos de outras celas também passaram a gritar e xingar.

O jovem tentou então agredir um dos agentes e o homem de 41 foi em defesa dos colegas. Ele acabou atingido por um chute no abdômen e por várias mordidas na mão direita.

O preso foi levado ao Pronto Socorro da Penitenciária e depois foi encaminhado ao setor disciplinar. Ele foi indiciado por lesão corporal. O agente penitenciário passou por atendimento médico na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Central e foi liberado.

12 comentários:

  1. algo acontece no sistema pois os presos estão atacando verbalmente e fisicamente os funcionarios em varias unidades até mesmo no semi aberto,eles ja viram que não da nada agredir funcionario

    ResponderExcluir
  2. trouxa de quem fica entrando em raio com 200 psicopatas soltos... isso só fiz quando era probatório,agora como vejo que não tem segurança pra entrar em um raio porque vou entra?!- o governo que faça a parte dele junto a sap e trabalho feliz ,feliz. de resto: não tem como desenvolver trabalho de asp no estado de sp. fico triste dos colega que inicia sua função no raio nos dias de hoje. hoje esse pessoal da maçonaria entra como asp ,porém, muitos são apadrinhados e nunca vão trabalhar numa carceragem e eu vou?- vou uma porra!!!- quando esses protegidos entrarem em uma carceragem e trabalhar como zelador nos dias de hoje posso até pensar em voltar a trabalhar no raio como zelador para diminuir o estres dos colegas de trabalho, fora isso nunca mais entro em um raio como zelador.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. segurão sem vergonha"""

      Excluir
    2. é verdade. esse pessoal da maçonaria estraga o serviço público e faz gerar muitos conflitos dentro da sap por causa dos apadrinhamentos. agora em outras secretárias não sei como é mas acredito que seja igual na sap: quem fazer parte da maçonaria fica com os serviços mais leves e menos estressantes quem não for maçom fica no espeto da diabo. agora e só observar quem deveria ficar no espeto do diabo se é os não maçom ou os maçom.

      Excluir
    3. vc prestou concurso pra que mesmo?
      ta com medo de ladrao exonera entao ou volta pra casa e fica na barra da saia da mamaezinha

      Excluir
  3. Acontecendo constantemente , nas unidade prisional, e o GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO , O que esta fazendo para dar um basta , ter tolerância ZERO TOTAL, DENTRO DA UNIDADE PRISIONAL PAULISTA ,. ACORDA SÃO PAULO, POIS NESTE ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO ESTAMOS SOZINHOS...

    ResponderExcluir
  4. Na unidade que trabalho o diretor de disciplina diz que a cadeia esta tranquila porem os funcionarios só faltam apanhar dos presos pois a todo momento a intimidação é notória, tanto da parte do criminoso qto da diretoria!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. cadeia tranquila
      favoravel pro preso
      ai tem coisa errada

      Excluir
  5. Otário en cadeia tem que apanhar mesmo pra ver se ficas esperto não se faz nenhuma intervenção com força moderada sem os equipamentos de praxe se não tem chama se os diretores baba ovo partilha o bolo para colocar a mão na merda enquanto isso os otários vão apanhando por ai.

    ResponderExcluir
  6. É fácil estar de traz de uma mesa dando ordens e não sabem o que se passa dentro de uma Penitência, levar chutes,marmitada na cara, e palavras baixas, vulgares e até mesmo ameaças a sua pessoa e sua família que está sendo sustentada por esse trabalho mas onde fica o respeito.

    ResponderExcluir



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.
Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.