terça-feira, 23 de agosto de 2016

Criminosos tentam entregar 94 celulares em presídio em Tremembé-SP

Fonte G1
22/08/2016 18h12 - Atualizado em 22/08/2016 18h26

Criminosos tentam entregar 94 celulares em presídio em Tremembé
Ação no Pemano foi frustrada por agente neste domingo (21).
Além dos aparelhos foram encontradas baterias e pacotes de maconha.
Do G1 Vale do Paraíba e Região

Presídio de Tremembé apreende quase 100 celulares no fim de semana (Foto: Divulgação/Corevali)
Presídio de Tremembé apreende quase 100 celulares no fim de semana (Foto: Divulgação/Corevali)
Um agente penitenciário frustrou a tentativa de entrega de 94 celulares a detentos do Presídio Edgard Magalhães Noronha (Pemano) neste domingo (21) em Tremembé. Além dos aparelhos, foram encontrados outros 83 carregadores, 12 baterias, cabo USB e cinco pacotes de maconha na área externa da unidade.
A ação dos criminosos foi percebida por volta das 21h, quando um agente penitenciário que estava em uma das torres de segurança observou quatro pessoas no lado de fora da unidade prisional.
A ronda do CPP foi acionada e flagrou a cerca da unidade cortada. Foram encontradas duas mochilas jogadas no chão próximo ao muro da unidade, e nelas estavam os celulares e a droga. Os suspeitos fugiram do local.
A direção da unidade prisional registrou um boletim de ocorrência e instaurou procedimento disciplinar para apuração do fato.

Um comentário:

  1. Parabéns aos Asps que realizaram o flagrante, da próxima vez, mete bala nos vagabundos e já era, tentativa de fuga., vai saber se tava saindo ou entrando na unidade, mais uma vez, Parabéns aos fúncionarios e 30 dias na tranca esse cpp ai

    ResponderExcluir



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.

Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.