segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Mulher detida com drogas no CDP de Riolândia-SP




Parabéns aos guerreiros e guerreiras que efetuaram a apreensão.

Veja matéria do Votunews:

MULHER É DETIDA AO TENTAR ENTRAR COM DROGA NO CDP DE RIOLÂNDIA.

O aparelho de detectar metais foi acionado na região da cintura da acusada. Ela havia introduzido maconha e alguns bilhetes em seu órgão genital para serem entregues ao seu marido, que cumpre pena no local.

A.P.G.L. de 29 anos foi autuada em flagrante por portar drogas sem autorização, enquanto tentava entrar no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Riolândia, no último dia 17. Segundo o que consta no Boletim de Ocorrência, a moça estaria indo visitar o marido D.G.L. de 36 anos, que permanece preso no local, à disposição da Justiça.

Uma agente de segurança penitenciária contou que enquanto revistava A.P.G.L., o aparelho de detectar metais foi acionado na região da cintura da acusada. Indagada, a moça confessou de imediato que trazia maconha introduzida em seu órgão genital, assim como uns bilhetes também.

Os bilhetes referiam-se a outros presos do Estado de São Paulo relacionados ao tráfico de drogas. A droga foi retirada pela própria acusada e estava enrolada em fita adesiva, dentro de um preservativo.

Os bilhetes e o pacote com o entorpecente foram levados ao diretor do CDP que constatou a substância como sendo maconha.

A.P.G.L. possui um irmão preso no local mas estaria indo visitar apenas seu marido.

Diante da situação, o Delegado Dr. Thiago Silva Pereira, elaborou a autuação em flagrante da indiciada pelo artigo 33 – Tráfico de Drogas -, por ela trazer consigo a maconha no interior de seu órgão genital, que seria entregue ao seu marido.


Fonte: Votunews

11 comentários:

  1. Parabéns para a ASP pela apreensão e pelos otimos serviços prestados, mas não posso deixar de falar que detector de metal bom esse de Riolândia hein apitou para droga veia e para uns pipas esse é único no Brasil, pra que Scanner corporal é só comprar mais desse detector de metal de Riolandia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou Asp trabalho no CDP de Riolandia e existe uma grande diferença entre o que acontece e o que a imprensa publica. As guardas ali presentes estão realmente de PARABÉNS pela eficiência do seu trabalho, acreditam no poder do detector de metais e nao ignoram o serviço do mesmo, a droga estava como aparece nas imagens dentro da embalagem com os bilhetes (estes em aparencia escura de CARBONO, q nao aparece na imagem nem na reportagem ) este sim o fato do aparelho ter acionado. O aparelho detector de metais teve um papel importante na açao, acusando o que nao se ve a olho nú no momento da revista.

      Excluir
    2. Essa "senhora" estava denunciada e com certeza depois de uma boa conversa se entregou.

      Excluir
  2. o mais importante nunca passam, o que estava escrito nos bilhetes? todos sabemos do trafico de entorpecentes no interior da unidades, mas quando se consegue informações que podem inclusive salvar a vida de um companheiro, sempre escondem, padrão sap e suas diretorias.

    ResponderExcluir
  3. É só um detector de metais e um cão farejador não precisa nem tirar a roupa já era, não precisa nem de Scaner corporal, fica mais barato, não tem como super faturar....Menos estress para o guarda, mais segurança. Sr. Geraldo Alkmin este comentário é para o senhor ler

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que nesse caso os cães farejadores não seriam eficientes. Afinal o cheiro das buce.... sujas dessas mulheres atrapalharia o cão a encontrar a droga...kkkk

      Excluir
    2. Anônimo dia 20 6:35:00 AM lamentável seu comentário, comente seus pensamentos la no raio com o JET. OK

      Excluir
    3. Fazendo uma pra defender o ladrão véio...?..tá correndo com quem ...?

      Excluir
    4. madeira do companheiro pra ladrão kkkkkk

      Excluir
  4. Sou Asp trabalho no CDP de Riolandia e existe uma grande diferença entre o que acontece e o que a imprensa publica. As guardas ali presentes estão realmente de PARABÉNS pela eficiência do seu trabalho, acreditam no poder do detector de metais e nao ignoram o serviço do mesmo, a droga estava como aparece nas imagens dentro da embalagem com os bilhetes (estes em aparencia escura de CARBONO, q nao aparece na imagem nem na reportagem ) este sim o fato do aparelho ter acionado. O aparelho detector de metais teve um papel importante na açao, acusando o que nao se ve a olho nú no momento da revista.

    ResponderExcluir
  5. Muitas vezes o equipamento é ignorado e ao acionar a visitante se recusa e acaba dizendo "que nao tem nada, que quer ser levada pra PS, faz tumulto e acaba em pizza voltando pra sua casa" pelo visto no caso esta nao teve essa sorte. O equipamento acusou a substância ali introduzida, a visitante diante da excelência no trabalho realizado pelas guardas ali presente: destreza, habilidade, convicções e firmeza e nao teve opção de escolha a nao ser se entregar. Esta não levará mais drogas e bilhetes por um bom tempo.

    ResponderExcluir



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.
Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.