terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Porque houve rebelião em presídio paulista hoje? 24/01/2017.

Segundo informações recebidas por vários colegas via wattsapp, emails e pela imprensa, está em andamento uma rebelião no antigo IPA de Bauru, hoje CPP III de Bauru, esse presídio é de regime semi aberto, não tem AEVPs nas torres, são os próprios ASPs que ficam nas torres e guaritas, hoje esse presídio está com 1.427 presos?

Porque houve a rebelião?
Segundo informações desses colegas ainda, o crime organizado autorizou que seus asseclas se rebelam em presídios de regime semi aberto no estado de São Paulo, que não precisam de autorização dos seus superiores hierárquicos, portanto rebeliões podem ocorrer sem motivos próprios das unidades, os presos podem até fazer a cena em alguma situação para dizer que foi por esse ou outro motivo que rebelaram.
Sabemos que se o crime organizado ja ordenou MEGAS REBELIÕES no estado, como em regimes fechados o prejuízo para eles são maiores, fica mais prováveis ocorrerem apenas em regimes semi abertos, sambemos que é possível  ocorrer da mesma forma que em 2001 e 2006 já que o assunto está na imprensa.

Geralmente esses CPPs tem fugas todos os dias, trabalhei em dois CPPs, conheço bem o assunto, já tiveram rebeliões também, por isso precisamos de AEVPs nesses CPPs também, já que até escola tem polícia militar, portanto, muita atenção os ASPs dos CPPs paulistas.

Não temos informações se tem ASPs reféns, se voce trabalha nessa unidade, faça comentários abaixo, ficará aberto para comentários anônimos sem moderação.

Veja que há pouco tempo tivemos uma rebelião no CPP de Jardinópolis também:
http://jenisandrade.blogspot.com.br/2016/09/rebeliao-no-cpp-de-jardinopolis-sp.html

Ventilaram uma rebelião na PI de Venceslau com 5 presos mortos, mas é matéria de 2005.

Veja vídeo da rebelião:





Veja matéria do G1 publicada hoje:

24/01/2017 09h56 - Atualizado em 24/01/2017 10h09

Detentos fogem após rebelião em penitenciária de Bauru

Presos colocaram fogo no prédio do CPP 3.
Helicóptero Águia sobrevoa a cidade para tentar recapturar fugitivos.

Do G1 Bauru e Marília
Fogo foi ateado em penitenciária (Foto: Reprodução/TV TEM)Fogo foi ateado em penitenciária (Foto: Reprodução/TV TEM)

Detentos do Centro de Progressão Penitenciária (CPP3) de Bauru (SP) deram início a auma rebelião na manhã desta terça-feira (24).
Segundo informações preliminares da Polícia Militar, os presos colocaram fogo no prédio e alguns conseguiram fugir. O Corpo de Bombeiros está no local para controlar as chamas e o helicóptero Águia sobrevoa a cidade para localizar os fugitivos.
Os agentes penitenciários não confirmaram o motivo da rebelião e nem quantos detentos conseguiram escapar.
O CPP 3 "Prof. Noé Azevedo" tem capacidade para 1124 pessoas, mas abriga atualmente 1427 presos.
Rebelião no CPP 3, em Bauru (Foto: Arquivo Pessoal)Rebelião no CPP 3, em Bauru (Foto: Arquivo Pessoal)

Polícia Militar trabalha na recaptura dos homens (Foto: Carolina Abelin/TV TEM)Polícia Militar trabalha na recaptura dos homens (Foto: Carolina Abelin/TV TEM)

59 comentários:

  1. disseram que o ex diretor de disciplina do cpp de jardinopolis esta nesta unidade , então esta explicado a rebeliao kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. srsrsr nunca tinha trocado ideia com ladrao e ganhou um cargo de disciplina...essa sap é uma piada. Abraço fabio chuchu seu segurao, fica ai escondido no cimic do ipa

      Excluir
    2. brincadeiras a parte, a Diretoria é a culpa de tudo isso e não do ex-diretor de jardinopolis pois o diretor Geral e de disciplina são de Alvaro de Carvalho, e não de Jardinopolis, entendido..........

      Excluir
    3. Para os que acusam o Diretor de Jardinopolis pela Rebelião do CPP III de Bauru, antigo IPA, venho esclarecer, que o mesmo, não tem nada a ver com a atual situação, pois o Diretor Geral e de Disciplina no IPA, são de Alvaro de Carvalho e não de Jardinopolis, vamos pensar antes de criticar, podem me criticar, mas a verdade tem que ser dita,......vamos analizar depois publicar as inverdaes.......

      Excluir
  2. Tá um puta b.o. na cidade, a informação eh de uma fuga em massa, tal qual, em Jardinópolis. Comércio fechado, órgãos públicos e agências bancárias foram fechadas e polícia pra td lado. O q me vem a mente eh q o PCC tenha mandado esses largatos fugirem pra ter mais gente na rua pra possíveis ataques. Como foi noticiado q iriam fazer

    ResponderExcluir
  3. Trabalho em Jardinópolis e já visitei as 3 unidades de semi aberto em Bauru e posso dizer, CPP não tem a mínima segurança! Você trabalha "na mão" do ladrão, pois estes ficam soltos o dia todo andando entre o funcionários com todos os tipos de materiais e com acesso fácil, dos setores de trabalho e escola.

    ResponderExcluir
  4. Alôo CHUCHU, Jardinópolis e IPA em menos de 4 meses, ta foda em!!!

    ResponderExcluir
  5. Eu poderia dizer vai se pi..., mas não é assim é algo oportuno, pois estão aproveitando do momento se o Estado não endurecer, teremos algo muito sério nos próximos dias

    ResponderExcluir
  6. O ASP está sendo tirado literalmente, e a culpa é nossa mesma, cachaça, troca, lpt, é assunto que mais agrada, falou em se profissionalizar para ser agente de segurança, o ASP fala que é: "DESVIO DE FUNÇÃO", temos que trocar os representantes da categoria se quisermos evoluir, pois, os agentes de SP andam na contramão do País, estamos caminhando para sermos GARÇONS DO PRESO, falou em ser Agente de segurança, os vagabundos que queimam a categoria se queixa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem muitos ASPs que estão desviados de função sobrecarregando os demais,tem ASP cuidando de porcos, Carneiros, galinhas,horta,firminhas", dormindo nos canil, pecúlio, administração, oficina, quem tá no fundão dá cadeia estão ficando doentes.

      Excluir
    2. Aqui em Junqueirópolis tem um ASP que faz 18 anos que só cuida de porcos na pocilga, outros dormindo no canil, e ainda tira as melhores folgas e férias,tem ASPs cuidando de bola veia, firminhas, oficina, ganhando salário de ASP VI... Enquanto quem trabalha na segurança estão adoecendo,nem folga que presta conseguimos tirar... Só o resto.

      Excluir
    3. Irmão, acho que você nem tem tanta noção do que esta falando. Quem deve cuidar de canil? quem vai fazer a segurança nas oficinas? Não critique seus colegas, faça você por merecer algo que lhe agrade. Eu trabalho no "fundão" e não critico o colega que trabalha nesses setores que você indicou, nem mesmo os diaristas. mas, quer saber? respeito sua opinião, pois você deve ter seus motivos particulares para essa ira toda.

      Excluir
    4. só se for de dormir, com essa privatização.......kkkkkk vai contar mentira pra boi dormir.

      Excluir
  7. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. super aevp detected ... fica no muro seu medroso

      Excluir
  8. você está culpando o asp...vc ta errado ... desce do muro e resolve ... vc não é o bichão ... desce do muro com sua calibre 12 enferrujada e resolve super aevp

    ResponderExcluir
  9. Rebelião em presídio de Bauru tem fuga de 200 presos, diz PM
    Motim começou após agente penitenciário apreender celular encontrado com detento

    Do R7, com Agência Brasil
    Presos colocaram fogo em ala do presídio nesta manhã
    Presos colocaram fogo em ala do presídio nesta manhã
    Reprodução
    Uma rebelião no Centro de Progressão Penitenciária 3 do Instituto Penal Agrícola, localizado em Bauru, interior de São Paulo, registrou uma rebelião na manhã desta terça-feira (24). A confusão começou após um agente penitenciário flagrar um detento com um celular e apreender o aparelho, por volta das 8h. Segundo informações preliminares, a rebelião resultou na fuga de 200 presos, segundo o Copom (Centro de Operações da Polícia Militar). Parte dos presos foram recapturados, mas não há informações sobre o número exato dos que continuam foragidos.

    Os detentos colocaram fogo em algumas áreas do presídio e nenhum agente foi feito refém. No entanto, alguns precisaram pular o muro para sair do local e ficaram levemente feridos. Há também registro de presos feridos.

    A penitenciária tem capacidade para 1.124 internos, mas estava com 1.427 presos. O Instituto Penal funciona em regime semi-aberto e está localizada na rodovia Comandante João Ribeiro de Barros, altura do km 349, na zona rural.

    A Polícia Militar informa, em nota, que a "situação está controlada e, reforça-se que se trata de caso isolado, ou seja, não há outras unidades prisionais nesta condição na região". Ainda de acordo com a nota, "foi acionada força policial militar da região para apoio na recaptura".

    Em nota, a SAP (Secretaria da Administração Penitenciária) confirma que a confusão começou durante revista de rotina quando um agente de segurança "surpreendeu um preso se comunicando através de celular". De acordo com a pasta, "a situação já está controlada e o Grupo de Intervenção Rápida, formado por agentes de segurança penitenciária, está junto com a PM realizando a contagem dos presos".

    A SAP explica que "as unidades de regime semiaberto, conforme determina a legislação brasileira, não dispõem de muralhas nem segurança armada, sendo cercada por alambrados. A permanência do preso nesse regime se dá mais pelo sendo de autordisciplina do preso do que a mecanismos de contenção. O CPP III é o antigo Instituto Penal Agrícola de Bauru e está localizado numa área, do tipo fazenda, de 240 alqueires. Na última saída temporária, que ocorreu no final de 2016 e início de 2017, 1.122 presos foram beneficiados e 1.074 retornaram .Hoje, 208 presos trabalham fora da unidade, exercendo atividades externas, outros 65 em empresas dentro da unidade e 358 trabalham em atividades de manutenção do próprio presídio".

    Direto do inferno: um raio-x do sistema penitenciário

    Presos falam ao celular e dominam pátio do presídio de Alcaçuz

    A Prefeitura de Bauru também emitiu nota sobre o caso e declarou que em razão da fuga de presos registrada nesta manhã, "a Secretaria Municipal de Educação orientou servidores que atuavam em escolas na região do Núcleo Fortunato Rocha Lima, que não permanecessem sozinhos em nenhuma das unidades escolares".

    Com isso, servidores da EMEII Arlindo Boemer Guedes de Azevedo, no Parque Santa Edwirges, se deslocaram para a EMEF Maria Chaparro Costa, no mesmo bairro, e da EMEII Márcia Andaló Mendes de Carvalho, no Pq Roosevelt, se deslocaram para a EMEII Antonio Daibem, no Jardim Vânia Maria.

    Essa é a primeira grande rebelião ocorrida em São Paulo desde o início do ano, quando evidenciou-se uma crise penitenciária no Brasil. Iniciada em Manaus, presídios de Roraima e Rio Grande Norte já registraram grandes motins — além de registros menores em outros estados. Mais de cem presos morreram somente neste ano em massacres dentro de presídios.

    A penitenciária do interior paulista tem capacidade para 1.124 internos, mas estava com 1.427 presos

    ResponderExcluir
  10. O cotonete usado, o picolé de chuchu e o sem pescoço disseram q esta td normal na unidade e o sistema prisiona paulista é o mais lindo do universo

    ResponderExcluir
  11. Depois de dez anos no sistema,vi que os diretores não querem que vc tenha autonomia para agir,ou seja eles acham que vc tumultua e dão um jeito de colocar vc de lado,fico indignado com colegas que falam para vc parar e tirar as doze,quando entrei no sistema achei que teria que disciplina-los mesmo que tivesse que estralar o chicote,mas já no curso vieram com papo de reeducando, e os próprios diretores são escolhidos pelos que pensam assim,esquecem que são ASP`S ,trabalhei com tranqueiras assim como trabalhei com ótimos guardas,mas esses normalmente acabam desanimando ou sendo espalhados pelo sistema,ou seja a ideia de ser disciplinador,acaba sendo diluída pelo próprio sistema,enquanto estiver pingando no bolso de certas pessoas,vc é tirado se quiser trabalhar certo,até quando diretores forem indicados,ficaremos na mesma,esta realidade do sistema,eu sou um dos que desanimaram,quem trabalha comigo sabe muito bem cheguei a ser chefe, mas como a patifaria corria solto eu larguei o cargo,falei que prestei para ser guarda e não marionete no sistema,á todos que horam a profissão,continuem assim,vcs estão sendo éticos,como homens que honram sua família e príncipios que seus pais te ensinaram,coisa que está muito em falta hoje em dia,sigam em frente sempre de cabeça erguida e não deixem que qualquer diretorzinho borra botas te humilharem,sejam homens de valor.

    ResponderExcluir
  12. Descontrole do estado que nomeia como diretores das Penitenciárias um bando de covardes e incompetentes.

    ResponderExcluir
  13. Chama agente SAP...EDITAL 2014

    ResponderExcluir
  14. A categoria dos ASPs deve ser urgentemente valorizada, em todas as sua formas, profissionalizando nossos trabalhos, em especial, no tratamento com o preso, bem como dignificando os nossos salários.

    ResponderExcluir
  15. todas as noites chegam presos no cdp por portar celular ou drogas, essa fuga em massa tem outra razão, há dois meses já havia chegado informação que iria ocorrer, nada foi feito sabem porque, faz parte amigos faz parte...

    ResponderExcluir
  16. SEMI ABERTO DESSE JEITO AÍ, LADRAO FOGE A QQ HORA DO DIA, TEM QUE ACABAR!
    FICAM ACREDITANDO NA BOA VONTADE DESSES LIXOS EM TRABALHAR HAHAHA...ESSA LEI DO CÃO PENAL DÁ VONTADE DE RIR KKKK
    QUANDO ESSE PAÍS VAI SE TORNAR UM LUGAR SÉRIO?????
    (ACHO QUE NUNCA.)

    ResponderExcluir
  17. Infelizmente o governo não quer o ASP trabalhando com afinco, então não usa uma politica de meritocracia para se chegar em cargos elevados, para o nosso governo quanto mais desanimado estivermos, menor o perigo de problema!!!!!!!
    Meus companheiros ASP's trabalho a quinze anos no sistema e já ouvi vários comentários de cunho "não quero problema, o coordenador disse para não ter problema com imprensa e sindicato" , caso seja realidade de que a rebelião começou por conta de apreensão de telefone celular, já podemos começar a nos unir, o companheiro que trabalhou corretamente será com certeza punido por tal ato!!!!!!!!!!!!
    fica o alerta!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  18. No copo de Tremembé tem quase 4000 presos. No turno da noite cada agente cuida de 850 presos... Falta encontrar funcionários escondidos atrás de mesas e sobre os sacos de diretores.

    ResponderExcluir
  19. Aos que comentaram sobre o asp que faz trabalho adm o problema é que se não for o asp fazer quem faz??? No Rh o asp que tem que fazer o controle de frequência pra vc seu capiau receber seu salário certinho da secretaria da fazenda... Ou protocolar sua folga sap ou abonadas.... Antes fe criticar pense. Não tem quem faça. Esperar o governo abrir concurso??? Tá de brincadeira né seu pé de cana cachaceiro do kct. Crítica os que trabalham no administrativo mas não se mexe a bundinha gorda pra melhorar o sistema. So se mexe pra criticar quem faz. Ou crítica a comida da unidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. boa hahahahahahahahahahahahahahaha

      Excluir
    2. O anonimo 04:10:00 PM, primeiramente se nao tem quem faz, foda-se, o governo se vira, agora comedia levanta vc a bunda da salinha com ar condicionado e venha e venha para o inferno, para aonde voce prestou o concurso para trabalhar.

      Excluir
    3. Concordo com o Marcelo lhp das 7:17. Se não tiver um ASP pra ficar no r.h. o governo tem q se virar (contratar of adm, criar sistema de computador controlado por um android, criar qqr coisa) mas vai ter que dar um jeito. O ASP e quem mais trabalhe na unidade prisional não pode trabalhar de graça pq o Estado não pode enriquecer-se ilicitamente (tem q nos pagar) então vão arranjar um jeito de controlar o cartao de ponto, as saps, abonadas.... Pára de ficar arranjando desculpas! Sai de trás da merda da mesa do administrativo (se quer ficar de boa, não seja ASP pq ASP tem q trabalhar diretamente com preso). Se quer uma mesa vai trabalhar em uma na gaiola do Pavilhão. Não fica procurando desculpinha pra ficar no burocrático:" ah, se eu não trabalhar no rol, no cimic, no pecúlio, na judiciária...". Fica no burocrático, num sabe nem abrir e fechar uma cela, num sabe revistar preso e depois fica pagando de fodão aí na rua. Sem ele no burocrático a cadeia pára. Prestou concurso pra ASP, pra cuidar da disciplina e depois fica arranjando desculpinha pra ficar no burocrático: pq fiz Direito na usp, economia na fgv (vai ser juiz, promotor seu vagabundo) e deixa a vaga pra estes caras aí dos concursos novos e que não são chamados pq tipos como vc seguram a vaga. Tenho q ver que porcaria tão ensinando na EAP pq se o cara quer ressocializar que abra uma ONG ou seja assistente social (diga-se de passagem q o governo acredita tanto em ressocialização que simplesmente sucateou a área técnica das unidades) agora vem um porquera de um ASP falando em ressocializar!

      Excluir
    4. Na minha unidade a falta de funcionário é tanta que o administrativo é que entra pra abrir, fechar a cadeia, passar oficina, e tudo mais da segurança, além de fazer o serviço burocrático, twr os prazos pra cumprir, também fazem o serviço da segurança, o sistema ta um caos!!! Nos ha tanto tempo sem aumento, com o desfalque de funcionarios em rodas as unidades, essa é a hora de se unir, não de ficar brigando pessoal!!!!

      Excluir
  20. Engraçado ver gente reclamando de quem trabalho no ADM kkk. Só reclama quem não tem capacidade e estudo pra atuar em outro setor. Só tem cérebro pra abrir e fechar portão. E ainda erra no preenchimento do livro kkk.
    Fiquem contando presos lá na radial, sentando nas cadeiras e mesas quebradas enquanto eu fico no escritório com o ar condicionado. Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. boa tbem hahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahaha

      Excluir
    2. O cranio porque voce nao vai para a federal, afinal voce deve ser um cerebro, e esta perdendo tempo como ASP.

      Excluir
  21. Enquento nós brigamos, reclamamos de quem esta em desvio de funcao...o governo rí da nossa cara.
    A cada dia nós nos dividimos mais...e é exatamente isso que o governo quer, entaõ amigos , vamos parar de criticar os colegas e vamos nos unir contra o desgovervo.
    Reamente, enquanto naõ se contrata pessoal administrativo, tem que ter asp no administrativo, senao , fica ruim pra todos.

    ResponderExcluir
  22. Cara , preso nao eh burro... eles viram que em AM soltaram dezenas de preso por causa da super lotacao e em consequência de rebelioens... Estao fazendo o mesmo para ganhar a liberdade.
    Agora vamos ver si o governador vai abrir as pernas.

    ResponderExcluir
  23. O problema é que dizem que no semiaberto não acontece nada porque o preso tem muito a perder ai desacreditão do que pode acontecer tai o resultado quando a gente fala em falta de funcionario,super lotação, funcionários trabalhando por tres ou quatro diretores dão risada e ficam com medo de passar o problema pra frente para garantir o cargo.

    ResponderExcluir
  24. Colegas vamos respeitar todos independente do local de trabalho, nosso inimigo não é o ASP da ADM tampouco o ASP da carceragem, nosso inimigo esta espalhado por ai, preso, governantes até a sociedade não nos respeita, enfim, nos ao menos tem os que nos respeitar.

    ResponderExcluir
  25. kkkkk...essa é boa!!!!! o irmao ai ta doido pra subir pro adm!!! kkkk...mostra seu valor colega!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anonimo das 7:06 prestou concurso pra ASP e depois vem aqui falar pro cara que efetivamente trabalha de ASP "mostrar o valor" e ir pro burocrático? Vc deve ser igual uns que a gente vê por aí que presta concurso na prefeitura pra trabalhar numa área e fica doido pra entrar numa outra funçao comissionada que não tem nada a ver com a área que prestou.

      Excluir
  26. Estranho essa rebelião aí, ainda mais estranha por ser no antigo IPA, onde tem muito funças antigos e experientes, verdadeiros mestres em manter até hj o prédio em pé com mais de o dobro de presos (diferentemente do cpp de jardinópolis, onde mal foi ocupado e foi destruído). Não iam dar uma dessa aí, arriscar a sua própria segurança e enorme prejuízo ao erário público por causa de absolutamente nada. Pediu o celular véio, o preso não quis entregar de boa, segue a vida, faz o Comunicado de Evento, no dia seguinte ou dias seguintes emenda uma revista fina com uns 200 ASP do GIR. Tira um monte de celular, um monte de preso folgado, e o preso que estava usando o celular, sem risco à segurança, sem prejuízo, sem alarde... do jeito que tem que ser (podia fazer isso rotineiramente nos IPAs) E outra, o Estado e o Município de Bauru já queriam desativar esse IPA faz tempo, a SAP até já vêm mantendo lá poucos presos em relação aos demais CPPs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem toda a razão companheiro, o problema é da atual Diretoria, que quer bater de frente com os sentenciados, e impor a ordem, sabias palavras a sua, mas a Diretoria atual não as ve dessa maneira, diretoria nova de Alvaro de Carvalho e o caos Instaurado, pediro para acontecer, tá ai o resultado.

      Excluir
  27. Enquanto estamos aqui discutindo sobre diarista, plantonista, carceragem e adm....os vagabundos tao la se organizando pra acabar com todos nós.... Vamos unir forças e nao nos dividir, e isso nao eh demagógia nao gente..... Precisamos unir forças e começar a pensar em como nos organizar, se nao fizermos isso vamos ficar cada dia mais na mão do desgoverno e dos vagabundos.

    ResponderExcluir
  28. Sou Asp e trabalho no administrativo, mas temos que dar conta do serviço do nosso setor e render posto na careragem e fazer as saídas externas todos os dias, não acho que esse seja o problema

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai porque o superior mandou é só mais uma forma de puxar o saco.

      Excluir
  29. os asps agiram direitinho. confiscaram o celular do preso. procedimento correto. os presos tocaram fogo no presidio destruiram os pavilhões. agora o que vai acontecer. vão fechar o IPA para reforma (não tem dinheiro) e os funcionarios vão pegar suas sacolinhas e vão para outras unidades. torço para que seja na mesma cidade. boa sorte companheiros.

    ResponderExcluir
  30. Isso eh tática da facção para chamar a atenção da imprensa e assim pressionar as varas das execuções criminais do estado a julgar os benefícios dos presos.... trabalho em uma unidade que tem centenas de pedidos de benefícios parados nos fóruns. Pra vcs terem noção, só quebraram prédio e alguns fugiram (com ctz aqueles ladrão ze ruela que deviam p faccao). Agora qto ao manezao la que acha q asp do adm deveria largar td e descer, até da p fazer, mas oh, são anos na justiça p tentar receber o salário que não veio nos meses que não tinha funcionários no rh. Infelizmente o estado não ta nem ai. Tvz essa "crise penitenciária" melhore, mas aqui eh BRASIL, e já já dão um jeitinho e a carceragem brasileira volta ao limbo.

    ResponderExcluir
  31. MOTIM NO CPP-3 DE BAURU É FATO ISOLADO, DEVIDO AO AUTORITARISMO DA DIREÇÃO DA UNIDADE QUE QUER FAZER DE UM SEMI-ABERTO UM CDP, DETALHE SEM FUNCIONARIOS E ESTRUTURA. TUDO PARA SE MOSTAR AO GOVERNADOR QUE É UM BOM DIRETOR, NAS COSTA DOS ASP´S É CLARO...
    PRIMEIRA PROVIDENCIA SERIA DERRUBAR TODA A ATUAL DIRETORIA DO CPP-3 DE BAURU.

    ResponderExcluir
  32. NÃO É POR NADA NÃO MAS ASP É O PRIMEIRO A CORRER PRO ADMINISTRATIVO, SÃO TANTOS QUE NÃO DÁ NEM PRA CONTAR... MAS CERTO ELES, É MELHOR TRABALHAR COMO OFICIAL ADMINISTRATIVO QUE CONTROLAR CADEIA E PIOR COM O SALÁRIO QUE ADMINISTRATIVO RECEBE... PRA MORAR FORA E BANCAR FAMÍLIA... ISSO VAI PERDURAR POR MUITO TEMPO... SÓ ONDE TRABALHO TEM UM ZIZÃO NO ADM E RECLAMAÇÕES DE SOBRE NA CHAVE ATÉ PRA CORREGI FOI... E AI O QUE MUDOU????? NADA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu amigo, não é o ASP que controla a cadeia, nunca foi e nem será. ASP e os presos são apenas massinha de modelar, no máximo massa de manobra. Um dia vc vai entender o que estou falando, isto é se vc for algum dia trabalhar na administração.

      Excluir
  33. É por essa desunião toda q eu amarro meu saco na grade, como diz o cap. Nascimento o sistema me venceu.

    ResponderExcluir
  34. A SAP precisa dar condições de melhor preparo tanto balistico quando psicologico para os ASP's. Estou na torcida pela fatalidade do colega e da vitíma. É um acontecimento que serve de reflaxão: PODEMOS, TEMOS, SOMOS CAPAZES PARA TAL?. Agora preciso desabafar sobre o IAMSPE e gostaria que os colegas comentasse e auxilissem no que for preciso para acabar com o que relato agora: Procurei atendimento médico no Pronto Socorro do IAMSPE (INSTITUTO DE ASSISTÊNCIA MÉDICA DO SERVIDOR PÚBLICO ESTADUAL) no dia 18/01/2017 as 16:23 horas. Relatei minhas queixas, fui encaminhada para medicação, retorno para reavaliação, medicação, realizar exames, e asim sucessivamente até o dia 19/01/2017 as 17:36 horas. Data e horário este último, sempre no PS, sem qualquer alimentação, sem poder sair para descansar, sem respeito alguma. O atendimento em tese foi correto, profissionais também. Minha reclamação é para o descaso, desrespeito. Fui procurar auxilio com uma senhora funcionária que fica como estatua próximo ao totem de senhas no PS (não sei o nome nem a função dela). Na verdade, gostaria de saber o que ela faz ali e para que ela está ali, uma vez que em nada ajudou. Ficou olhando para minha face com desdém. Relatei tudo o que estava sentindo: desrespeito, cansaço, uma enorme revolta pela demora imensa e a única palavra dita por esta funcionária foi: aguarde. Senhores, é inadmissível que eu, como contribuinte há mais de 30 (trinta) anos ou melhor dizendo, qualquer contribuinte, seja por anos ou novo, não merece esse descaso. Como continuei com a saúde debilitada, procurei o mesmo serviço no dia 23/01/2016 as 16:36 hs. Passei pelo mesmo descaso e desrespeito até que às 17:36 hs do dia 24/01/2017, fui encaminhada para ficar em observação na enfermaria do PS. Local este sem infraestrutura nenhuma. Sem banheiro, sem ter um local para tomar banho, ala que ficam homens e mulheres, idosos ou não, todos juntos. Imaginem um servidor adoentado, há mais de 24 (vinte e quatro) horas, sem banho, sem alimentação, me sentindo um lixo, nem mesmo o SUS nos trata tão mal assim. Estou realmente revoltada com o IAMSPE. Às 20:27 horas do dia 24/01/2017, ainda estava na sala de espera nº 4 do PS aguardando um leito na enfermaria. Não aguentando mais a falta de humanidade, me evadi. Precisava de um banho, alimentação, descanso digno. Não aguentava mais ficar nessa situação. Não estou preocupada se haverá alguma represália comigo ou não. Eu não quero nunca mais passar por este.... sei lá como definir o que passei. Denúncio que o que passei não é exclusividade minha. Idosos passam as mesmas coisas. Idosos com 60, 70, 80, 90 anos esperam tanto ou mais do que eu esperei e ficam na mesma situação. IGUALMENTE. Só sei que eu, me sentindo tratada como um animal, quero solução e resposta. Caso os colegas queiram, tenho os comprovantes.

    ResponderExcluir
  35. Ao colega, sinto muito pelo despreparo. Talvez o dia a dia tenha deixado sua mente tão cansada com os acontecimentos que num momento de gana pela segurança o fez agir assim. À vitíma, minhas desculpas e que a saúde seja restabelecida. Que o GOVERNO pague pelo que o colega, infelizmente, fez. O GOVERNO é o único culpado. O colega só restou o despreparo e a insegurança psicológica. Agora quero aproveitar o espaço e relatar um acontecimento comigo junto ao IAMSPE. LEIAM, comentem e me ajudem, por favor: Procurei atendimento médico no Pronto Socorro do IAMSPE (INSTITUTO DE ASSISTÊNCIA MÉDICA DO SERVIDOR PÚBLICO ESTADUAL) no dia 18/01/2017 as 16:23 horas. Relatei minhas queixas, fui encaminhada para medicação, retorno para reavaliação, medicação, realizar exames, e asim sucessivamente até o dia 19/01/2017 as 17:36 horas. Data e horário este último, sempre no PS, sem qualquer alimentação, sem poder sair para descansar, sem respeito alguma. O atendimento em tese foi correto, profissionais também. Minha reclamação é para o descaso, desrespeito. Fui procurar auxilio com uma senhora funcionária que fica como estatua próximo ao totem de senhas no PS (não sei o nome nem a função dela). Na verdade, gostaria de saber o que ela faz ali e para que ela está ali, uma vez que em nada ajudou. Ficou olhando para minha face com desdém. Relatei tudo o que estava sentindo: desrespeito, cansaço, uma enorme revolta pela demora imensa e a única palavra dita por esta funcionária foi: aguarde. Senhores, é inadmissível que eu, como contribuinte há mais de 30 (trinta) anos ou melhor dizendo, qualquer contribuinte, seja por anos ou novo, não merece esse descaso. Como continuei com a saúde debilitada, procurei o mesmo serviço no dia 23/01/2016 as 16:36 hs. Passei pelo mesmo descaso e desrespeito até que às 17:36 hs do dia 24/01/2017, fui encaminhada para ficar em observação na enfermaria do PS. Local este sem infraestrutura nenhuma. Sem banheiro, sem ter um local para tomar banho, ala que ficam homens e mulheres, idosos ou não, todos juntos. Imaginem um servidor adoentado, há mais de 24 (vinte e quatro) horas, sem banho, sem alimentação, me sentindo um lixo, nem mesmo o SUS nos trata tão mal assim. Estou realmente revoltada com o IAMSPE. Às 20:27 horas do dia 24/01/2017, ainda estava na sala de espera nº 4 do PS aguardando um leito na enfermaria. Não aguentando mais a falta de humanidade, me evadi. Precisava de um banho, alimentação, descanso digno. Não aguentava mais ficar nessa situação. Não estou preocupada se haverá alguma represália comigo ou não. Eu não quero nunca mais passar por este.... sei lá como definir o que passei. Denúncio que o que passei não é exclusividade minha. Idosos passam as mesmas coisas. Idosos com 60, 70, 80, 90 anos esperam tanto ou mais do que eu esperei e ficam na mesma situação. IGUALMENTE. Só sei que eu, me sentindo tratada como um animal, quero solução e resposta. Caso os colegas queiram ler, tenho os comprovantes. É só pedir. Preciso colocar este caos em pauta e preciso de ajuda também para que isso acabe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fotografa as condições precárias, gravar em vídeo o seu relato e os de outros pacientes, expondo bem o descaso e o desrespeito. Enviar para a Comissão de Direitos Humanos, Ministério Público (deve ir pessoalmente no MP e protocolar a representação), Ouvidoria da Secretaria de Gestão Pública e Ouvidoria da SAP também, representar também junto aos Sindicatos de sua categoria profissional, pois os sindicatos tem o dever de proteger a categoria profissional, e vc principalmente procurar a Imprensa, pois só assim os Governos se mexem. Vc gtambém pode procurar o sindicato para entrar na Justiça por dano moral contra o Iamspe e também para deixar de pagar a obrigatória mensalidade. SOU A FAVOR DA EXTINÇÃO DO IAMSPE, POIS TÁ UMA PORCARIA EM TODOS OS SENTIDOS E SÓ SERVE PARA ARRECADAR DINHEIRO PARA O GOVERNADOR.

      Excluir
    2. ISSO MESMO! ISSO MESMO! ISSO MESMO! NADA DE "DEFENDER O IAMSPE" TEM É QUE ACABAR COM ESSA BALELA FANTASIOSA DE DESVIO DE DINHEIRO DOS FUNCIONÁRIOS. OS SINDICATOS NÃO DEVIAM SER "A FAVOR DO IAMSPE" POIS ASSIM ESTÃO AJUDANDO O GOVERNO A ROUBAR OS SERVIDORES. ESSE IAMSPE NUNCA VAI MELHORAR POIS A CORRUPÇÃO LÁ É TOTAL E QUANTO MAIS PIORA, MAIS OS SINDICATOS "DEFENDEM" ELE. CAIAMOS NA REAL, TINHA É QUE EXTINGUIR ESSE IAMSPEDE UMA VEZ E PARAR OS DESCONTOS OBRIGATÓRIOS EM NOSSO SALÁRIO A FAVOR DO GOVERNO! AÍ QUEM QUISESSE PODERIA PAGAR UM PLANO QUALQUER, BARATINHO, JÁ IA SERVIR MAIS DO QUE O IAMSPE.... MAS O GOVERNO NUNCA VAI CONCORDAR POIS O IAMSPE É A GALINHA-DOS-OVOS-DE-OURO DELE. E OS FUNCIONÁRIOS LÁ, SE ACHAM OS DEUSES, OU MELHOR TÊM CERTEZA... CAMBADA... SE OS SINDICATOS PELO MENOS FIZEREM CAMPANHA PARA O FIM DO IAMSPE, QUEM SABE AO MENOS OS FUNCIONÁRIOS DE LÁ VIREM GENTE E PASSEM A TRATAR COM RESPEITO OS PACIENTES...

      Excluir
  36. Só tem sabichão aqui...ASPs desviados não é ASP e nunca foi é uns bunda mole que se cagam de medo dos presos e adora lamber o saco do diretor e ser humilhado e não tem personalidade.

    ResponderExcluir



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.

Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.