sábado, 11 de março de 2017

STJ manda prender ex-diretora do CDP paulista; defesa recorre.


Fonte: G1


08/03/2017 12h27 - Atualizado em 08/03/2017 12h27
STJ manda prender ex-diretora do CDP de Piracicaba; defesa recorre
Advogado da funcionária diz que entra com habeas corpus nesta quarta (8).
Ministro do STJ rejeitou recurso e determinou prisão provisória da acusada.
Do G1 Piracicaba e Região


CDP Piracicaba (Foto: Reprodução/EPTV)
Caso da ex-diretora administrativa do CDP de Piracicaba se arrasta desde 2006 (Foto: Reprodução/EPTV)
A defesa da ex-diretora administrativa do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Piracicaba (SP), acusada de desviar dinheiro da unidade prisional, deve impetrar nesta quarta-feira (8), um habeas corpus no Superior Tribunal de Justiça (STJ) na tentativa de evitar a prisão da acusada.
Na terça-feira (7), o ministro Felix Fischer rejeitou recurso e determinou a execução provisória da sentença que condenou a mulher a quatro anos, três meses e seis dias de reclusão em regime semiaberto.
De acordo com o advogado Marcelo Dini, além do habeas corpus, a defesa vai recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF) com recurso extraordinário. “Consideramos que não é viável o pedido de prisão de nossa cliente antes do julgamento da situação”, diz.

Até a publicação desta matéria, a ex-diretora administrativa do CDP permanecia em liberdade, conforme Dini.

Entenda o caso
A ex-funcionária da unidade prisional foi condenada, segundo a decisão da Justiça, por apropriar-se de dinheiro público quando era diretora do CDP de Piracicaba. O caso está no Judiciário desde 2006.
A acusação diz que o desvio de verba foi feito entre agosto de 2005 e setembro de 2006. De acordo com informações do TJ, "como supervisora de compras e contratações de serviços, teria desviado diversos pagamentos devidos a lojas e fornecedores, num total de R$ 24.474, fato que, segundo o desembargador e relator, Marco Antonio Marques da Silva, 'prejudicou pequenos fornecedores da região, bem como o estabelecimento prisional que deveria gerir de forma a satisfazer o interesse público'".

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.

Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.