domingo, 11 de junho de 2017

Concurso ASP/2017; Agente Penitenciário que é professor, dá aula presencial de matemática em SP.

O professor e caricaturista Wiltinho Viana, que é agente penitenciário e trabalha comigo no CDP Suzano dará aulas presenciais de matemática em Suzano SP baseado no edital do concurso de ASP 2017.
Aulas serão nos horários de folga e em local particular.
.
Assista o vídeo e veja como participar das aulas:








4 comentários:

  1. Legal Wiltinho! Parabéns! Bela iniciativa! Que seus alunos tenham sucesso! emanuel

    ResponderExcluir
  2. Alguém conhece alguma legislação que permita o agente penitenciária paulista a lecionar em escola pública ou privada? Mesmo que não possa ser detentor de outro cargo público.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. COLEGA ANÔNIMO DAS 12:29, EMBORA VC TENHA PEDIDO ESPECIFICAMENTE SOBRE O ESTADO DE SÃO PAULO, LOCALIZEI JURISPRUDENCIAS DE OUTROS ESTADOS E INCLUSIVE DO STF. PODEM DAR UM NORTE PRA VC E, INCLUSIVE AJUDÁ-LO NUM EVENTUAL PEDIDO DE INFORMAÇAO À PROCURADORIA DO ESTADO. BOA SORTE! Site Jusbrasil as duas primeiras jurisprudências (usei expressões Agente Penitenciário e professor)emanuel
      1ª Jurisprudencia
      TJ-PI - Apelação Cível AC 201200010065811 PI 201200010065811 (TJ-PI)

      Data de publicação: 29/01/2014

      Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. CUMULAÇAO DE CARGO DE AGENTE PENITENCIÁRIO E PROFESSOR. REQUISITOS PREENCHIDOS. POSSIBILIDADE. ART. 20, 1º, LEI 5.377 /2004. NAO PREVISAO DE REGIME DE DEDICAÇAO EXCLUSIVA. ITERPRETAÇAO ERRÔNEA. RECURSO CONHECIDO E PROVIDO 1. A Constituição Federal em seu art. 37 , XVI , 'b' prevê a possibilidade de cumulação de um cargo técnico com um de professor, comprovada a compatibilidade de horários entre os dois cargos. 2. O cargo de Agente Penitenciário possui natureza de cargo técnico. 3. Apelante comprova a compatibilidade de horários entre os dois cargos.

      OUTRA (2ª jurisprudência)


      Página 1 de 6.726 resultados



      TJ-PI - Apelação Cível AC 00094357620098180140 PI 201200010065811 (TJ-PI)

      Data de publicação: 10/02/2014

      Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. CUMULAÇAO DE CARGO DE AGENTE PENITENCIÁRIO E PROFESSOR. REQUISITOS PREENCHIDOS. POSSIBILIDADE. ART. 20, 1º, LEI 5.377 /2004. NAO PREVISAO DE REGIME DE DEDICAÇAO EXCLUSIVA. ITERPRETAÇAO ERRÔNEA. RECURSO CONHECIDO E PROVIDO 1. A Constituição Federal em seu art. 37 , XVI , 'b' prevê a possibilidade de cumulação de um cargo técnico com um de professor, comprovada a compatibilidade de horários entre os dois cargos. 2. O cargo de Agente Penitenciário possui natureza de cargo técnico. 3. Apelante comprova a compatibilidade de horários entre os dois cargos. 4. Plena possibilidade de cumulação dos cargos de agente penitenciário e professor. 5. O art. 20, 1º, Lei 5.377 /2004 não prevê regime de dedicação exclusiva, mas apenas dispõe que o servidor penitenciário, salvo nomeação para cargo em comissão tem que ser lotado em estabelecimento penitenciário, desempenhar atividade de agente penitenciário. 6. Recurso conhecido e provido.



      OUTRA (3ª jurisprudência)
      RECURSO EXTRAORDINÁRIO 755.143 PIAUÍ
      RELATORA : MIN. CÁRMEN LÚCIA
      RECTE.(S) :ESTADO DO PIAUÍ
      PROC.(A/S)(ES) :PROCURADOR-GERAL DO ESTADO DO PIAUÍ
      RECDO.(A/S) :FRANCISCA MARIA ALVES DE SOUSA
      ADV.(A/S) :JOSÉ LUSTOSA MACHADO FILHO E OUTRO(A/S)

      Excluir
  3. Grannnde Mestre! Manda bala no ensino. Abraciussss

    ResponderExcluir



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.
Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.