sexta-feira, 16 de junho de 2017

Escoltado pela polícia militar, preso foge de hospital em Taubaté-SP.

Fonte: G1
Escoltado pela polícia, preso foge de hospital em Taubaté
Com problemas pulmonares, detento estava internado desde o último dia 9. PMs deveriam vigiá-lo; corporação não explicou motivo da falha.
16/06/2017 18h35 Atualizado há 9 minutos

Preso fugiu na madrugada desta sexta-feira (16) do Hospital Universitário (Foto: Divulgação/Governo do Estado SP) 



Um detento do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Taubaté, internado desde o último dia 9, fugiu do Hospital Universitário na noite desta quarta-feira (14). Ele era escoltado por policiais - a circunstância da fuga e a conduta dos PMs ainda devem ser esclarecidas. O preso está foragido.
O preso sofre de problemas pulmonares e foi atendido inicialmente no Pronto Socorro de Taubaté. No dia 12 ele foi transferido para a unidade de onde fugiu.
Conforme apurou o G1, ao perceberem a fuga do preso que escoltavam, os policiais foram ao CDP para pedir o endereço do detento. Questionados sobre a ação por servidores do CDP, eles não teriam contado o motivo do pedido, que seria verificar se o presidiário tinha ido para casa.
Como ele não foi encontrado residência, às 2h30 de quinta-feira (15) - pelo menos 3h depois do desaparecimento -, os policiais noticiaram a fuga ao hospital e à corporação. Um boletim de ocorrência foi registrado.
A assessoria de imprensa da Polícia Militar foi procurada pelo G1, por email e telefone, às 16h15, mas não retornou para informar detalhes da fuga e ações que serão adotadas após a falha.
A Secretaria de Saúde do Estado, responsável pelo Hospital Universitário, foi procurada e disse que as informações seriam prestadas pela Secretaria de Administração Penitenciária (SAP).
A pasta informou que nota que o preso tratava no hospital um derrame pleural e que a PM está tomando as devidas providências para sua recaptura. O judiciário será comunicado do fato. O crime cometido pelo detento não foi informado.
TAUBATÉ

14 comentários:

  1. HA se fosse um guarda na escolta ...

    ResponderExcluir
  2. Se fosse ASP ou AEVP os PM's diriam "Que despreparados", ladrão é a imagem do cão, não pode descuidar nenhum momento.

    ResponderExcluir
  3. É... criaram aevp pra que ne... mais de 1000 na fila de 2013 mais um monte de 2014 que esticam o concurso. Ta certo os pm não é atribuicao deles...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. no interior é a PM que escolta...primeiro entre depois pense em criticar...nem entrou e já critica....prestou o concurso sabendo que demora pra nomear agora fica torrando as paciências

      Excluir
  4. O Geraldo Alckmin disse em uma entrevista que os aevps iriam fazer a escolta de presos ,em todo o estado de SP liberando os policiais militares pras ruas mas ate hoje ainda tem PM na escolta?

    ResponderExcluir
  5. Os "mike" não são os cara? Não são os bão? Na unidade que eu trabalho tem uns otário que só falta beijar a mão dos pm. Kķkkkk

    ResponderExcluir
  6. Os "mike" não são os cara? Não são os bão? Na unidade que eu trabalho tem uns otário que só falta beijar a mão dos pm. Kķkkkk

    ResponderExcluir
  7. Uma vez estava eu no hospital acompanhado um preso veio dois pms uma soldado feminina q não saia do zap falando com macho e um jovem policial q ficava o tempo todo falando com as enfermeiras e pedido o zap delas o ladrão me olhou e disse:é seu Ricardo se o Sr não tivesse aqui eu já tinha ido embora com esses dois vacilao me olhando e deu risadas fica aqui um recado pra esses guardas madeireiros de pm vamos nos valorizar mais e para de puxar o saco desses caras

    ResponderExcluir
  8. E eu pensando que era só na Fundação que tinha puxa saco de Pm.Impressionante é que querem copiar tudo da Pm,forma de falar ,até os coturnos que usam são iguais ,por que não fazem concurso pra Pm?Simples!

    ResponderExcluir
  9. Teve um guarda que fechava o portão de acesso ao refeitório para os PMs que iam filar "boia"...isso em um CDP do Vale. Era bom ver os "coxinhas" doido de fome, em volta do portão!

    ResponderExcluir
  10. O tratamento entre as classes mudou bem, depois do advento dos AEVPS, antes a tiração era grande, os policiais em raras exceçoes, sempre vão se achar melhores, a começar pelo tempo de curso, manejo de armas e reciclagem, vamos continuar fazendo o nosso trabalho policial, um dia a justiça chega...

    ResponderExcluir
  11. Não faz muito tempo, aqui no interiorzão, quem fugiu do hospital e abandonou o ladrão com a PM foi o guarda. Tomou uma canetada e três meses de gancho.

    ResponderExcluir
  12. Contra fatos não há argumentos...

    ResponderExcluir



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.
Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.