sábado, 29 de julho de 2017

Mulher é presa ao tentar entrar com maconha em penitenciária paulista.

Fonte: G1
Mulher é presa ao tentar entrar com maconha na Penitenciária de Junqueirópolis
Suspeita apresentou nervosismo ao ser informada que seria levada para fazer um exame de raio-X.
Por G1 Presidente Prudente
29/07/2017 18h12 Atualizado há 37 minutos

Polícia também localizou materiais para embalar droga em uma pensão (Foto: Polícia Civil/Divulgação) 




Uma mulher de 21 anos, moradora da capital paulista, foi presa neste sábado (29), ao tentar entrar na Penitenciária de Junqueirópolis com um invólucro de maconha. Segundo a Polícia Civil, ao chegar na Santa Casa de Dracena, onde seria feito um exame de raio X, a suspeita se recusou a descer da viatura, momento em que os policiais localizaram a droga escondida ao lado de uma bolsa da mulher.
A ação aconteceu após trabalho realizado pela Polícia Civil, no levantamento das informações oriundas de colaboradores anônimos, que noticiava que uma mulher tentaria entrar com drogas na Penitenciária de Junqueirópolis, inclusive apontando características físicas da suspeita.
Policiais civis se posicionaram próximo à entrada do presídio e visualizaram na fila de entrada, ainda pelo lado de fora da unidade prisional, uma mulher com as mesmas características físicas da pessoa apontada, segundo a polícia.
A mulher foi identificada e questionada se estava com algum material ilícito escondido no corpo e, a princípio negou que carregava droga. Ao ser informada que em razão da denúncia poderia ser submetida a realização de exame de raio-X, a mesma passou a apresentar nervosismo, conforme a Polícia Civil.
No trajeto para Santa Casa de Dracena para realização do exame, a mulher passou a ficar inquieta, e a todo o momento se contorcia e colocava as mãos debaixo da blusa e dentro da calça, de acordo com a polícia. Ao chegar ao hospital, ela se recusou a descer da viatura, momento em que os policiais localizaram um invólucro de maconha escondido ao lado de uma bolsa que pertencia à suspeita, e que estava no banco traseiro da viatura.
Ela recebeu voz de prisão por tráfico de drogas e foi conduzida para a sede do Plantão Policial de Dracena. A droga foi apreendida e após ser periciada e pesada totalizou 292 gramas. Os policiais também vistoriaram o quarto da pensão em que a mulher havia pernoitado, onde foram encontrados e apreendidos petrechos que são comumente utilizados para embalar drogas e um aparelho celular, ainda de acordo com a Polícia Civil.

A mulher foi encaminhada à Cadeia de Dracena, para posteriormente ser transferida à Penitenciária Feminina de Tupi Paulista.

Droga foi localizada ao lado de uma bolsa da suspeita (Foto: Polícia Civil/Divulgação) 

3 comentários:

  1. Essa que é a cadeia do mestre dos magos...?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei se é a cadeia dos magos, só sei que o hot dog do Marquinhos é uma delícia.

      Excluir



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.
Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.