terça-feira, 23 de abril de 2013

Se o(a) preso(a) que agride o(a) Agente Penitenciario pelo simples fato de querer uma transferência e consegue, porque não transferir o(a) agente de segurança penitenciária agredido(a) para a unidade que ele pedir?
Seria o mínimo que o governo poderia fazer, já que a maioria dos(as) agentes são de cidades distantes de onde trabalham e após uma agressão, dificilmente o(a) ASP conseguirá adentrar na unidade que sofreu a agressão.

Essa seria uma transferência em caráter humanitário.

5 comentários:

  1. E o de oficial operacional ????? kkkkkkkk.......vai continuar usando as camisetas doadas pelos ASPS...????? Ou sera que o querido GOVERNADOR vai lembrar dos oficiais que ja ganham uma merreca e o "esquecido"" da SAP ......uma M@@%¨%$DA MESMO

    ResponderExcluir
  2. Já vi até chefe de plantão ter q implorar até para o papa uma transferência de coordenadoria, o caso foi que metralharam a casa dele, com a família dentro, esposa grávida, etc... com muito custo transferiram o ASP para outra coordenadoria, mas não para o interior, mas para a corevale, em unidade que tinha déficit... foi em caráter humanitário, um caso fora do comum (tinham q transferir mesmo!), pq não fazer isso com os outros guardas? Pq as portarias, subs e adm estão cheias em diversas unidades de guardas que "não podem" entrar na cadeia... que esses sejam transferidos, para onde desejam, ou para o mais próximo possível.

    Mas vc sabe como funciona a SAP, vão dizer q o guarda pediu para ser agredido, forçou a barra, para ser transferido! Affff...

    ResponderExcluir
  3. Gostaria de como fazer o pedido de transferência humanitaria. Tô em tratamento de depressao e sindrome do pânico. Quero ficar com a minga família. Pais e meu filho. Como faço pra pedir. Quais documentos necessários.

    ResponderExcluir
  4. Gostaria de saber como funciona A transferência humanitaria. Sofro de depressao e sindrome do panico. Quais os documentos.

    ResponderExcluir
  5. Alguém consegue informar se tem alguma documento específico pRa pedir transferência em caráter humanitário para tratamento ds saúde de dependente

    ResponderExcluir



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.

Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.