quinta-feira, 9 de maio de 2013

Sou Ag. Penitenciário e fui PUNIDO porque fazia "bico", o vice governador pode ter dois empregos?

Em 2.010 fui punido com uma suspensão de 90 dias, como sou agente penitenciário no estado de São Paulo desde 1.994 e tinha dificuldades financeiras nessa época e fazia "bico", no ano de 2.000 a empresa que eu fazia "bico" ficou sem me pagar por alguns meses, diante disso processei a empresa entrando com uma ação judicial trabalhista, como eu não fiz acordo na primeira audiência, a empresa alegou para o juiz que eu era Agente Penitenciário e não poderia fazer "bico", ao ouvir isso, o juiz disse ao representante da empresa que ela tinha que me pagar e que isso seria outra história, ao término da audiência o juiz enviou oficio ao DG da unidade que eu trabalhava, o DG abriu sindicância e sugeriram DEMISSÃO, mesmo eu nunca ter faltado um plantão durante os 3 anos que fazia "bico". A pior parte foi ficar quase 10 anos achando que iria ser demitido, pois fazia "bico" em 2.000, a portaria do P.A. foi aberta em 2.005 e a punição foi em 2.010.
 Ah... eu fazia "bico" na mesma cidade que trabalhava e morava.

Agora vejo na imprensa, que o VICE GOVERNADOR de São Paulo vai ser secretário com status de ministro do governo Dilma e continuar VICE GOVERNADOR.

Veja a publicação da minha punição em 2.010 e veja no link abaixo que o Deputado Carlos Giannazi foi muito feliz ao pedir a CASSAÇÃO do VICE GOVERNADOR de São Paulo.

http://www.youtube.com/watch?v=klh3ea0DEDc




Administração
Penitenciária
GABINETE DO SECRETÁRIO
Resoluções
De 2-2-2010
Proc.SAP/GS 154/05 - O SECRETÁRIO DA ADMINISTRAÇÃO
PENITENCIÁRIA, à vista das conclusões alçadas no Relatório
CPD/SAP nº 020/2009 da d.Procuradora do Estado da Coordenadoria
de Procedimentos Disciplinares (fls.237/245) e no Parecer
CJ nº 102/2010 da d.Consultoria Jurídica da Pasta (fls.248/250),
nos autos do Processo SAP/GS nº 154/2005, julga procedente
as imputações irrogadas ao servidor JENIS DE ANDRADE – RG
22.321.936, Agente de Segurança Penitenciária, classe III, do
SQC-III-QSAP, classificado na época dos fatos, no Centro de
Progressão Penitenciária “Prof. Ataliba Nogueira” de Campinas/
SP, e APLICA, em mitigação da pena prevista, a pena de SUSPENSÃO
de 90 (noventa) dias, convertidos em multa, dada a
comprovação da infração estabelecida no artigo 241, inciso XIII,
da Lei Estadual 10.261/68, com fundamento no artigo 251, inciso
II, c.c. O artigo 254, “caput” e § 2º do mesmo diploma legal,
alterada pela Lei Complementar nº 942/03, por comprovada a
imputação descrita na Portaria Inaugural.

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.

Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.