quarta-feira, 31 de maio de 2017

Presos tentam fuga de penitenciária paulista, mas agentes impedem.

Parabéns aos Agentes!!!
Fonte: G1

Presos usam corda artesanal para tentar fugir de penitenciária, mas acabam contidos
Agente que estava na torre da muralha da unidade carcerária, em Martinópolis, chegou a efetuar um disparo de advertência, nesta terça-feira (30).
Por G1 Presidente Prudente
30/05/2017 19h50 Atualizado há 9 horas

Agentes contiveram presos que tentavam fugir da Penitenciária de Martinópolis nesta terça-feira (30) (Foto: Reprodução/TV Fronteira)




Três detentos da Penitenciária de Martinópolis foram contidos durante uma tentativa de fuga do presídio nesta terça-feira (30).
A Secretaria da Administração Penitenciária do Estado de São Paulo informou ao G1 que, por volta das 11h45, um agente de escolta e vigilância penitenciária (AEVP), que estava na torre da muralha, visualizou um sentenciado tentando escalar o telhado jogando uma corda de fabricação artesanal sobre o muro da quadra.
“O AEVP imediatamente solicitou reforços e verbalizou com o sentenciado para que descesse. Ante a negativa deste, efetuou um disparo de advertência, contendo a tentativa de fuga”, explicou a SAP ao G1.
Em seguida, os agentes de segurança penitenciária chegaram ao local e verificaram que, além do sentenciado que havia jogado a corda artesanal, outros dois presos também estavam no mesmo local. Os homens foram contidos pelos agentes e, em seguida, conduzidos ao pavilhão disciplinar.
A SAP ainda esclareceu ao G1 que será instaurado procedimento disciplinar em desfavor dos presos e haverá uma apuração preliminar para a investigação dos fatos. Não houve feridos.

21 comentários:

  1. parabens a toda equipe...aevp atento, otimo trabalho.

    ResponderExcluir
  2. A verdade é uma só; deste que os caros colegas Agentes de Escolta e Vigilância Penitenciária assumiram o controle da fiscalização das muralhas em reforço aos trabalhos realizados pelos Agentes de Segurança Penitenciária, as fugas praticamente deixaram de existir. Infelizmente nota-se ainda uma cultura que foi enraizada na instituição, em muitos casos, da dificuldade de ambas as atividades e seus profissionais na busca da harmonia, interação e respeito mútuo no trabalho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o problema nosso..aevps..começa na revista com asps ridicularizando aevps na hora de assumir o plantão. .pois bem..as unidades deveriam voltar como eram..entradas distintas para os cargos...

      Excluir
    2. o problema nosso..aevps..começa na revista com asps ridicularizando aevps na hora de assumir o plantão. .pois bem..as unidades deveriam voltar como eram..entradas distintas para os cargos...

      Excluir
    3. Nada a ver Miguel.
      O clima na revista vai de quem esta sendo revistado ,vc tem q entender q é o trabalho q precisa ser feito ,só nao chegar extressado ,simples. Flw

      Excluir
  3. Deveria aumentar o efetivo dos AEVP dentro do presidio, qualquer erro de disciplina dos detentos, os AEVP fariam o papel da GIR de forma imediata, passava o pente fino no ato! Mas para isso deveria ter um efetivo grande

    ResponderExcluir
  4. Só pra esclarecer....Pq pra não saber disso...Só sendo Asp (jóia).....Asp só trabalha em torre em semi aberto, no fechado ....Quem trabalhava era a PM, e ainda trabalha em raríssima exceção.
    Aprendeu??kkkk

    ResponderExcluir
  5. Vamos todos saborear o hot dog do Marq uinho para comemorar . delicioso

    ResponderExcluir
  6. Parabens ao AEVP de sentinela...profissional e eficiente.

    ResponderExcluir
  7. Cada um na sua função . na secretaria da administração penitenciaria de SP ,tem a funcao ASP,AEVP,e o GIR .aevp fica na muralha e faz escolta ,o gir cuida dos motins e rebeliões.um não pode fazer a função do outro,para com isso.

    ResponderExcluir
  8. Quem irá pagar esse prejuízo...? Fedeu... prudência pessoal...

    ResponderExcluir
  9. Como os presos saíram das celas...?

    ResponderExcluir
  10. Parabéns ao guerreiro, apenas um ponto de vista meu,acho que asp e aevp deveriam ser um só,tinha que existir apenas agente penitenciário,em todos os estados são assim, em Minas da supervisão certo,todos trabalham iguais,tem grupo de escolta interno, porém todos são aptos a fazer escolta e vigiar as muralhas,assim seria bem legal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu ponto de vista: Primeiro de tudo deveria equiparar o salario.

      Excluir
    2. Meu ponto de vista:deveria reajustar o salário (3 anos sem reajuste!) tanto de ASPs como de AEVPs, pois a maioria desses profissionais faz por merecer.Sou ASP e parabenizo o colega AEVP pelo excelente trabalho.

      Excluir
  11. Não vou me identificar, mas na época da criação do cargo de AEVP, fui um dos poucos Diretores a acreditar nessa nova classe. A maioria dizia: Se com o P.M que pode ser preso já acontece tanta coisa, imagina agora. Depois de tantos anos, essas mesmas pessoas devem estar "torcendo" o nariz. PARABENS AOS AEVPS E ASPS DA UNIDADE PELA CONDUTA APRESENTADA.

    ResponderExcluir
  12. Parabéns aos AEVPs... vamos nos unir cada vez mais contra os desmandos dessa Secretaria leniente para com o crime.

    ResponderExcluir
  13. Parabéns ao trabalho bem feito dos profissionais nesta ocorrência.

    ResponderExcluir



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.

Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.