sexta-feira, 28 de julho de 2017

Preso de presídio paulista que prestava serviço externo é encontrado morto.

Trata-se de preso de presídio de regime semi aberto.

Fonte: G1
Reeducando é encontrado morto em lagoa do Instituto Agronômico de Campinas
Vítima de 25 anosprestava serviço à Prefeitura de Campinas em um projeto de ressocialização. Ele trabalhava na limpeza do espaço e teria entrado na água sem autorização.
Por G1 Campinas e Região
28/07/2017 13h40 Atualizado há 5 horas




Um reeducando foi encontrado morto na manhã desta sexta-feira (28) na lagoa da Fazenda Santa Elisa, no Instituto Agronômico de Campinas (IAC). De acordo com a Prefeitura de Campinas (SP), a vítima, de 25 anos, estava em uma ação de limpeza do espaço na tarde de quinta (27) quando entrou na água sem autorização do responsável pela atividade e se afogou.

Segundo o Corpo de Bombeiros, uma busca foi realizada após o sumiço do homem, mas o corpo foi encontrado apenas na manhã desta sexta.

Em nota, a Prefeitura lamentou o ocorrido e informou que se solidariza com a família. Cerca de 600 reeducandos integram o programa em Campinas, segundo a administração municipal. Durante as atividades, diz o município, eles são supervisionados por agentes penitenciários.

O reeducando cumpria pena no Centro de Progressão Penitenciária I (CPP-I) de Hortolândia (SP), que foi informado pela Prefeitura de Campinas da ocorrência. A Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) destacou, em nota, que tomou todas as providências necessárias e informou a família da vítima, sendo instaurada apuração para averiguar os fatos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Seu comentário é bem vindo, porém não será postado caso o moderador entenda que existam ofensas ou que não se aplique ao assunto da postagem.

Identificando-se, sua crítica, favorável ou contrária, terá mais credibilidade e respeitabilidade junto aos leitores.

Comente a postagem, para perguntas ou bate papo com o autor do BLOG,
jenisdeandrade@yahoo.com.br,
Jenis de Andrade no Facebook.